Câmara Municipal de Guaratuba

Rua Carlos Mafra 494, Centro, Guaratuba - Paraná - Fone (41) 3442-8000 | 3442-8001 - camara@camaraguaratuba.pr.gov.br - Atendimento Público: 12 às 18 hs | Sessões: Segunda as 18 hs

DATA - HORARIO – LOCAL – aos oito dias do mês de agosto do ano de dois mil e dezesseis às vinte horas no Plenário da Câmara Municipal de Guaratuba – estado do Paraná. ----------------------------------------------------------------------------------

PRESENÇAS – MORDECAI MAGALHÃES DE OLIVEIRA – Presidente, MAURICIO LENSE - Vice-presidente, SERGIO ALVES BRAGA – Primeiro Secretario, FABIO LUIZ CHAVES – Segundo Secretário e demais Vereadores: ANA MARIA CORREA DA SILVA,  ARTUR CARLOS DOS SANTOS, CÁTIA REGINA SILVANO, ITAMAR CIDRAL DA SILVEIRA JUNIOR, JUAREZ SERAFIM TEMOTEO, LAUDI CARLOS DE SANTI, MARIA DA SILVA BATISTA E RAUL CHAVES. O Vereador João Almir Troyner justificou sua ausência. -----------------------------------------------------------------------------------

ABERTURA – Sob a proteção de Deus e verificando a existência de número legal de presentes o Presidente declarou aberta a Sessão. --------------------------------------

APROVAÇÃO DA ATA – em discussão a ATA do dia primeiro de agosto de dois mil e dezesseis. APROVADA.---------------------------------------------------------------------

JUSTIFICATIVA DA NÃO PRESENÇA – O vereador Fábio Luis Chaves justificou a ausência do vereador João Almir Troyner. -----------------------------------------------

EXPEDIENTES RECEBIDOS – não houve. ----------------------------------------------

PROPOSIÇÕES DOS VEREADORES Vereadora Ana Maria Correa da Silva – levantamento de nível e ensaibramento na Rua Visconde de Guarapuava encontrando com a Rua Apucarana no bairro brejatuba. Vereador Itamar Cidral da Silveira Junior – patrolamento e obras de recuperação por toda a extensão da Rua Guaraniaçu, bairro Coroados.Vereadores João Almir Troyner e Mordecai Magalhães de Oliveira – Seccionamento da faixa continua no Km 31 a Km 35 da PR-412 (avenida Paraná). TODAS AS PROPOSIÇÕES FORAM APROVADAS.--------------------  

INDICAÇÕES –  não houve. -------------------------------------------------------------

MATÉRIA APRESENTADA  - não houve-------------------------------------------------

ORADORES INSCRITOS NO LIVRO DE DEBATES – não houve---------------------

ORDEM DO DIA – - não houve. --------------------------------------------------------

PALAVRA LIVRE –VEREADOR MAURICIO LENSE – Cumprimentou a todos, e iniciou parabenizando todos os funcionários da educação, os educandos em seu dia que foi no dia anterior. Parabenizou a atleta Rafaela Silva, que conquistou uma medalha de ouro pelo judô feminino, demonstrando que o esporte, tem tudo a haver com a excelência do ser humano, visto que a Rafaela é uma atleta, que começou aos cinco anos de idade, através de um Projeto Social, e que o esporte transformou a vida desta atleta. Falou que a atleta hoje é uma heroína brasileira. Parabenizou também a todos os partidos que realizaram suas convenções, disse que foi uma grande festa democrática, e que em especial ao PPS, PSD, PRB, PMN, e a todos que estiveram presentes na convenção. Parabenizou a convenção do PSD em Curitiba ao qual ele esteve presente junto com seu companheiro o vereador Artur Carlos dos Santos. Falou que foram muito bem recebidos naquele local, pelo PSD, pelo Ney Leprevost, pelo Sciarra, Ratinho Junior, e todos os companheiros do

Partido PSD. Falou que também estiveram naquele local e que bateram um papo, com o ex-prefeito Everson Kravets, que é do seu partido o PPS de Guaratuba. Disse que pode revê-lo e que conversaram muito. Parabenizou também a Capela Santa Luzia, pelo bingo beneficente que foi realizado, disse que foi muito bacana e que foi muito organizado. Parabenizou a Pastoral da Pessoa Idosa, e que foi realizado um bingo na Matriz de Nossa Senhora do Bom Sucesso, para adquirirem produtos para beneficiar as pessoas idosas. Parabenizou também, a igreja Milagres de Jesus pelo Culto e Congresso que foi realizado no dia anterior. Parabenizou a comunidade da Igreja Sede Assembleia de Deus pelo acolhimento em culto dominical, ao qual ele esteve. Também a comunidade da Igreja Assembleia de Deus, do Bairro Belo Vista pelo acolhimento que tiveram nesta comunidade também.----------------------------

APARTE- VEREADOR ITAMAR CIDRAL – disse que quer encaminhar o seu pedido para a Tribuna, falou que encaminhou todos os pedidos para todas as Sessões e que misteriosamente. PRESIDENTE OLIVEIRA disse que deferiu o requerimento do Vereador Itamar até o final de julho, falou que a partir de agora cada vereador pode fazer um Requerimento para que seja constado no livro de debate. VEREADOR ITAMAR disse que não esta sabendo de nada disso, PRESIDENTE OLIVEIRA – falou que foi deferido, e que estão na segunda Sessão e que na Sessão anterior ninguém foi para a Tribuna, e que aguarda o Requerimento do Vereador Itamar. VEREADOR ITAMAR disse que avisou a Diretoria da Casa, que gostaria de usar a tribuna e que para ele estava tudo certo. Falou que vão fazer uma Sessão de vinte minutos o porquê dele não usar a Tribuna. PRESIDENTE OLIVEIRA – falou que o Vereador Itamar na próxima Sessão não precisa fazer Requerimento que já esta inscrito para a Tribuna.--------------------------------------

PALAVRA LIVRE VEREADOR ITAMAR CIDRAL DA SILVEIRA JUNIOR – Cumprimentou o senhor presidente e disse não aceitar a decisão do senhor presidente Oliveira. Mas que o Presidente é soberano. Falou sobre a contratação de uma empresa, disse que não vai usar neste dia o nome desta empresa, mas que na próxima semana ele irá trazer o nome e dados desta empresa, e um fato melhor elaborado do que ele vai dizer neste dia que ele não terá tempo. Disse que esta empresa ganhou uma licitação para fazer os planos os estudos do Cemitério ao qual o Vereador Mauricio Lense sempre cobra no Plenário. Falou que em cento e oitenta dias, Disse que a empresa recebe uma benevolência e que passa de cento e oitenta dias em dois mil e quinze para fazer o estudo, e que se adianta, e que a benevolência do Executivo deixa a empresa mais cento e oitenta dias, que ele acha que a empresa acha que este prazo é pouco. Falou que a empresa não deu o estudo e que retardou o Projeto da obra do cemitério, porque falou que é preciso deste estudo. Falou que misteriosamente neste Edital do Diário Oficial 395, que a empresa recebe mais uma benevolência, falou que a empresa tem mais um ano para fazer este estudo. Disse que isto significa que não vai ter nesta Legislatura a obra do Cemitério. Falou que o vereador Maurício Lense que tanto cobrou que foi enganado, e que o Parlamento também foi enganado, e que tudo isso na benevolência da lei. Disse que é lamentável a mentira, a enganação que promovem contra a Casa de Leis, contras as pessoas e contra a cidade de Guaratuba. Comentou que disseram que iria ter o cemitério e que só estavam esperando a decisão, falou que foi pago uma parte deste dinheiro para este estudo. Disse que se esta empresa não consegue fazer este estudo, perguntou por que não contratam outra empresa. Perguntou porque prorrogaram, e se só tem esta empresa, e qual o mistério que tem esta empresa, ou que será que não querem construir o Cemitério. Falou que é muita benevolência e que é muita vontade de querer ajudar algumas pessoas, ou alguns interesses. Disse que não é função de vereador ficar arrumando terreno em Cemitério, e que não é função de vereador arrumar dentaduras, que não é função de vereador arrumar carro de terra, mas falou que é função do Parlamentar fiscalizar, o prefeito, o vice-prefeito, os secretários, e debaterem os assuntos na Câmara Municipal. Disse que vai trazer este assunto bem esmiuçado e que vai fazer cidadão erguer o topete. Falou que já tem este estudo, PRESIDENTE OLIVEIRA – pediu ao senhor Vereador Itamar, olhar para a Mesa. VEREADOR ITAMAR disse que faz isso se o Presidente Oliveira não der as costas para ele, PRESIDENTE OLIVEIRA – disse que não deu as costas. VEREADOR ITAMAR – falou que o senhor presidente estava fazendo isso anteriormente. Falou que o preço da dignidade para as pessoas de Guaratuba custa novecentos reais, falou que é o preço de um carrinho para levar um caixão até a sepultura, disse que é o ultimo momento, e que ele fez um estudo no Mercado Livre, e que custa novecentos reais, e que pode ser pago em doze vezes, falou que com menos de noventa reais que é a dignidade do ultimo encontro  e para enterrar uma pessoa em Guaratuba. Falou que nem isso as pessoas tem, que nem estúdio, nem dignidade, nem carrinho. Falou que não quer entender, qual é o destino do ser humano, falou que é a morte, e que se toda a pessoa vai passar com parentes e que terão de enterrar, que vão ter de fazer a ultima homenagem, perguntou o porquê não pensar nisso, e porque retardar. Perguntou se é porque foi vereador de oposição que começou esta matéria, ou falou que será que empresa precisa ser beneficiada. Disse que não sabe, mas que com certeza na semana que vem estará tudo pronto. Denunciou, falou que tem cheiro de falcatrua no Parlamento, em uma licitação, falou que falcatrua das grossas. Disse que cinco mil adesivos, perguntou que campanha é esta que tem no município de Guaratuba que precisa comprar cinco mil adesivos, perguntou que campanha é esta que precisa de material gráfico no período eleitoral. Perguntou que campanha é que precisa de mil e duzentos carimbos, falou que são seiscentos servidores, professores, operários, e tantos outros deste segmento, e que não usam carimbos, falou que operário até hoje ele não viu usar carimbos, perguntou porque comprar mil  e duzentos carimbos, falou que isso lhe cheira falcatrua.  Falou que para ele tem um beneficiamento, e disse que podem ter certeza de que se vai ter beneficiamento, que ele vai denunciar. PRESIDENTE OLIVEIRA perguntou ao vereador Itamar se ele falou dentro do Parlamento, e que não é da Câmara Municipal de Guaratuba.----------------------------------------------

PALAVRA LIVRE VEREADORA MARIA DA SILVA BATISTA – Cumprimentou a todos. Enviou as suas condolências para o senhor Valdir, que é pai da Josi, pelo falecimento da filha, e que também para a família da dona Elenir, que é sua onde esta senhora perdeu sua vida em uma fila do Posto de Saúde. Falou que no domingo sua comadre se ajeitou e que na segunda feira, chegou ao Posto de saúde as cinco horas da manhã e que não conseguiu ficha e que retornou para casa rindo e dizendo que no dia seguinte viria pela madrugada no Posto de saúde. Falou que de segunda para terça feira sua comadre voltou para o Posto de saúde, as quinze pra as seis da madrugada. E que dormiu no posto de saúde, falou que no posto de saúde sua comadre teve um piripaque e que retornou para casa dentro de um caixão. Falou que isso acontece porque, falou que o posto de saúde do Coroados, atende a Máximo Jamur, Coroados, Barra do Saí, Nereidas, Descoberto, Morro Grande, e que são distribuídas sete fichas. Falou que foi no Posto de saúde, e que falaram que a médica atende todos os dias sete fichas, falou que acha que a médica deixa o paciente pelado, e que uma médica para atender sete pacientes o dia inteiro., disse que isso é brincadeira. Falou que esta fazendo a sua reclamação, e que ela acha que posto de Coroados deveria entrar em um acordo e liberar mais fichas para os pacientes,  disse que não esta culpando  pela morte de sua comadre, falou que o que aconteceu com sua comadre foi uma fatalidade, falou que no laudo apareceu e que ela acha que deve ter sido um enfarte fulminante, mas falou que é pela falta de respeito, falou que além desta pessoa que perdeu a vida no Posto de Saúde, falou que vai no Posto de saúde pela madrugada e que tem dó, falou que primeiro que não tem uma cobertura para as pessoas se agregarem quando chove, e que segundo porque fica uma pilha de gente, disputando sete fichas para conseguir uma consulta. Disse que os seus companheiros vereadores podem verificar que o que ela esta falando não é mentira, disse que o que ela esta falando é uma grande verdade, e que os vereadores precisam correr atrás e brigar por estas coisas. Falou que é o povo que esta sofrendo com tudo isso. Falou que as ruas, toda segunda feira, e que foi dado uma parada e que deu uma aliviada, mas que agora esta voltando, disse que já tem quatro ou cinco proposições e que não esta acontecendo, citou a Rua Guaraniaçu que foi feita uma Proposição em 2013, em 2014, e que em 2015 fizeram uma reunião e que estavam fazendo saneamento básico, falou que brigou bastante por esta rua, e que nada aconteceu, disse que o povo esta cobrando novamente, e que ela não tem nenhum argumento para passar. Agradeceu-------------------------------------------------------------------------

PALAVRA LIVRE VEREADOR RAUL CHAVES – Cumprimentou a todos. Disse que o que ele tem para falar, que já se repetiu e que ele não sabe o que tem o seu nome como candidato, como vereador, falou que vai ter oitenta, noventa, cem, cento e poucos candidatos e que muitos que estão no grupo da prefeita, que alguns estão se preocupando com ele. Falou que se ele quisesse sair do PMDB, falou que a dois anos atrás que teve uma janela que ele poderia ter saído. Disse que não saiu, e perguntou se ele esta incomodando alguém, falou que respeita todos, e que é humilde na hora em que é preciso, e que na hora em que for para pegar pesado que ele pega mesmo, e que dentro do seu direito e de sua razão. Falou que comentam que ele tem uma personalidade forte. Disse que comentam que foi ele que colocou um funcionário, e disse que é a única que esta na prefeitura e falou que todo mundo sabe e que não precisa ser repetida, falou que ele e o vereador Fabio Chaves, que foi preciso dois vereadores para colocar uma pessoa. Falou que não entende, e que não tem nada com vereadores que colocam dez, vinte, disse que ninguém se preocupa com este vereador e que só se preocupam com ele. E comentou que quem sabe quando ele nasceu sua mãe lhe colocou melado ou algum adoçante, e que parece que as coisas vêm e grudam nele, perguntou se não existe respeito, ou se ele não tem capacidade para ser candidato a vereador ou para ser candidato a reeleição para vereador, ou para ficar tentando jogar pessoas de outras regiões contra um vereador. Disse que não se preocupa com isso, mas falou que este tipo de gente tem uma mente muito pequena, que não têm caráter e que não têm personalidade, falou que quem tem caráter, respeito e personalidade, não faz este tipo de coisa. Falou que respeita todos, e que independente se o candidato tiver um voto, tiver dez, tiver vinte ou cinquenta, que o cidadão esta no direito de sair candidato. Disse que o candidato é votado da maneira que o povo quer. Falou que não tem medo de ninguém e que só tem medo de Deus, e que respeita todos e que as pessoas comecem a respeitar, falou que a sua cartucheira esta cheia, e que a bala esta na agulha. Falou que as pessoas estão gastando as munições sem necessidade. Disse para não se preocuparem com eles e para que cada um cuide de si. Falou que se quisesse estar no partido da situação que ele estaria, porque teve a oportunidade, mas não quis, e que continua no PMDB. Falou que foi comentado que tem gente querendo lhe prejudicar, mas que ele não se preocupa. Falou que se tiver de sair em uma reeleição, e que por enquanto não existe candidato, que só tem pré candidato por enquanto, e que primeiro tem que passar pelo crivo do ministério Público, e que estiver tudo certo, e que se ele tiver que se reeleger, mas falou que nem é candidato ainda. Disse que ele saiba ainda não existe candidato. Depois que passar pela juíza, é que o cidadão pode dizer que é candidato. Falou que já estão se preocupando com a eleição que é dia dois de outubro. Perguntou se estão com medo de perder as eleições, ou se estão com medo de perder as eleições. Falou que não se sente bem com uma situação desta, e que não comecem a lhe cutucar, falou que se ele for para a Tribuna que lhe segurem. Falou que esta contente com o seu candidato a prefeito, ou a vice, disse que os pré-candidatos, que todos são, inclusive ele, disse para se preocuparem do lado em que estão e não para se preocuparem do lado em que ele está. Falou que o vereador Maurício é pré-candidato, falou que é para todos respeitarem todos, e para deixarem cada um  trabalhar e seguir o seu caminho. Falou para não irem falar mal de nenhum candidato perto dele, porque ele acha uma falta de respeito, de qualificação e de capacidade. Disse que quem tem capacidade não se preocupa com os outros. Falou que esta tentando ser candidato. Falou que depois do dia 16, mas que antes não comecem a querer cutucar com a vara curtinha, falou que a vara comprida já é perigosa, e que a vara curta é mais perigosa ainda. Disse que depois ele vai ter de falar coisas que não deve, e que começa atingir famílias de determinadas pessoas, e que daí vão ficar contente, falou que quando querem lhe atingir, que ele tem de ficar quieto. Pediu respeito na qualidade de vereador, e que a partir do dia 16 se ele for candidato, que lhe respeitem como candidato. Pediu encarecidamente, porque falou que esta escutando algumas coisas e que não esta ficando feliz. Agradeceu.---------------------------------------------------------------------------------

PALAVRA LIVRE VEREADOR LAUDI CARLOS DOS SANTOS – Cumprimentou a todos. Disse que chegaram a um rumo que vai haver muitas acusações, de ambas as partes, mas falou que obviamente não da o direito a ninguém, e nem falar mal de ninguém, e sim cada um vender o seu peixe, vender o seu voto, sem agredir nem falar mal de ninguém. Falou que isto é normal, disse que falam muito em acusações, e que ele ouviu anteriormente, sobre a atual administração.  Falou que é obvio que vão atirar pedras em arvores que dão frutos. Disse que é muito mais fácil criticar e que o duro é fazer o que foi feito até agora,. Falou que ninguém pode negar que foi construído em Guaratuba nos quase oito anos. Disse que podem ter certeza que tem tanta gente que vota contra tanta coisa, e que depois vai protestar quando sai um asfalto em determinada rua. Disse que votam contra o asfalto e que vão protestar quando o asfalto esta saindo.  Falou que acha um pouco descabida e vexatória, disse que não tem cabimento, disse que acha que cada um tem de trilhar um caminho, sem tentar prejudicar o outro. Falou que concorda plenamente com o vereador Raul Chaves quando fala que cada um tem de trilhar o seu caminho e procurar se preocupar com si próprio, e não denegrir a imagem de seu companheiro. Disse que esta vendo de alguns pré-candidatos tentarem denegrir, falou que na sua interpretação, que é simplesmente falta de criatividade, e falta de proposta. Disse que não adianta criticar, falou para terem propostas e que apresentem ideias, falou que é assim que se faz um governo, um plano de governo ou uma campanha de governo eleitoral. Falou que não é denegrindo e criticando a administração, que teve tanto êxito e que fez Guaratuba crescer nestes últimos anos. Disse que podem ter certeza de quem gosta de Guaratuba, não vai esquecer-se do que foi feito e o que ainda esta sendo feito por Guaratuba e o que ainda tem por ser feito. Agradeceu.------------------------------------------------------------------

 

PRESIDENTE MORDECAI OLIVEIRA – Destacou que na ultima sexta feira, tiveram a honra de fazer a entrega do título de cidadão honorário ao senhor Mounir Chawiche, Presidente da Sanepar, o qual assumiu o compromisso de enganjar juntamente com esta Casa, pelo tão sonhado tratamento sanitário da Caieiras, reivindicação destes vereadores. --------------------------------------------------------

ENCERRAMENTO – Nada mais havendo para ser deliberado, o Presidente agradeceu a presença de todos, deu por encerrada a presente sessão às vinte horas e trinta e dois minutos, marcando nova Sessão Ordinária para o dia quinze de agosto de dois mil e dezesseis às vinte horas. Para contar eu (        Laoclarck Odonizetti Miotto – Secretário Geral) bem e fielmente redigi, digitei e conferi a presente Ata. ------------------------------------------------------------------------------

  

 

 MORDECAI MAGALHÃES DE OLIVEIRA

Presidente

SERGIO ALVES BRAGA

1º Secretário

FABIO LUIZ CHAVES

2ª Secretário

DATA - HORARIO – LOCAL – ao primeiro dia do mês de agosto do ano de dois mil e dezesseis às vinte horas no Plenário da Câmara Municipal de Guaratuba – estado do Paraná. ----------------------------------------------------------------------------------

PRESENÇAS – MORDECAI MAGALHÃES DE OLIVEIRA – Presidente, MAURICIO LENSE - Vice-presidente, SERGIO ALVES BRAGA – Primeiro Secretario, FABIO LUIZ CHAVES – Segundo Secretário e demais Vereadores: ANA MARIA CORREA DA SILVA,  ARTUR CARLOS DOS SANTOS, CÁTIA REGINA SILVANO, JOAO ALMIR TROYNER, JUAREZ SERAFIM TEMOTEO, LAUDI CARLOS DE SANTI, MARIA DA SILVA BATISTA E RAUL CHAVES. O Vereador Itamar Cidral da Silveira Junior justificou a não presença.

ABERTURA – Sob a proteção de Deus e verificando a existência de número legal de presentes o Presidente declarou aberta a Sessão. --------------------------------------

APROVAÇÃO DA ATA – em discussão a ATA do dia vinte e cinco do mês de julho de dois mil e dezesseis. APROVADA.------------------------------------------------------

EXPEDIENTES RECEBIDOS – não houve. ----------------------------------------------

PROPOSIÇÕES DOS VEREADORES – Vereador João Almir Troyner – colocação de lombadas na Rua Patriarca próximo a bicicletaria bike sul e ao supermercado Ribeiro, aberturas de Ruas João Batista Pedroso e Carlos Mafra nas proximidades com a Rua Ortigueira. TODAS AS PROPOSIÇÕES FORAM APROVADAS.----------------  

INDICAÇÕES – Vereador João Almir Troyner – Instalação do programa “Prefeitura nos Bairros”, e instalação de bebedouros elétricos de água nos Postos de Saúde da cidade que ainda não estiverem sido instalados. Vereador Mordecai Magalhães de Oliveira, que seja destinado para a Construção de um galpão pré moldado para abrigo de máquinas da Secretaria de Obras dentre outra utilidades no terreno recebido por meio de doação localizado na área rural do Cubatão, bem como futuramente este terreno seja utilizado para a instalação da Sub – Sede da Prefeitura. TODAS AS INDICAÇÕES FORAM APROVADAS--------------------------------

MATÉRIA APRESENTADA  - ------------------------------------------------------------

PEDIDO DE URGENCIA AO PROJETO Nº 1.410 – O PRESIDENTE MORDECAI MAGALHAES DE OLIVEIRA – Com base no Regimento Interno em seu Artigo 136, determinou a leitura do pedido de urgência ao Vereador Sérgio Alves Braga, que após, considerou a existência de assinaturas de oito vereadores, APROVOU o pedido, determinado o encaminhamento para as devidas Comissões.--------------------------

ORADORES INSCRITOS NO LIVRO DE DEBATES – VEREADOR JOAO ALMIR TROYNER - Primeiramente agradeceu a Deus e a Nossa Senhora Aparecida, cumprimentou a todos. Disse que tem cansado de falar e que espera que o seu pronunciamento sortisse o efeito, mas falou que não esta vendo nada, falou que tem pedido tanto em Plenário para que seja feita uma campanha limpa, uma campanha de propostas, falou que não existe alternativa a não ser rir, falou que tem conversado muito sobre este assunto, e que tem dito que o eleitor não se escolhe e sim se conquista. Falou que se não foi conquistado o eleitor durante os quatro anos, ou três anos e meio do mandato, disse que não é mentindo, e que não é agredindo o adversário. APARTE VEREADOR RAUL CHAVES – Disse que conversaram bastante e que muitas vezes, não são opositores que não é a oposição, e que muitas vezes esta dentro do próprio grupo. Falou que se depender dele criticar algum candidato, que seja cem ou cento e vinte, ou cento e cinquenta, disse que já estão detonando, tentando denegrir o seu nome, mas que ele anda de cabeça erguida e que deve só para um que é Deus. E que o resto se ele deve, para quem confiou nele, o município, que é aquilo que as vezes eles não conseguem fazer, o que eles almejaram. Mas falou que se depender de criticar qualquer candidato que seja, disse que não sai candidato a reeleição, porque ele acha que cidadão que fica criticando os que terão a vaga na Câmara, falou que esta pessoa não merece nem sentar no Plenário. VEREADOR ALMIR TROYNER – disse que no seu pronunciamento na Convenção no sábado, disse que falou uma coisa e que volta a falar, que todos os pré-candidatos tem qualidade  e condições de ocupar as cadeiras do Plenário. Mas falou que para isso é preciso mostrar propostas, conversar com o povo. Falou que a autofagia, a destruição dos adversários, disse que isso é coisa do passado, e que não é preciso ficar denegrindo a família, os amigos, filhos e esposa, para querer justificar o voto. Disse que é muito mais fácil conversar com as pessoas, e que isto é para todos eles que são pré-candidatos. Falou que eles de entender, que a coisa mais importante na vida do ser humano é a fé e a família. Disse que quando sabe que determinada pessoa usa da autofagia e que deixam de ser benevolentes, para atacar a família de qualquer pré-candidato que seja, disse que fica com vergonha. Falou que fazer campanha, é muito bom e que é muito bonito, e que ele vai conversar com as pessoas, e que vai ouvir as pessoas, mas que quando vão a determinada residência, e que encontra uma pessoa que diz que o voto não é dele, e que o voto é de outro pré-candidato, falou que não precisa dizerem mentiras, que não precisa dizer que a família é isso, ou que é aquilo, ou que o candidato pegou isso, ou que fez aquilo, falou que não precisa nada disso, falou que o mais correto é ir embora. Disse que já este decidido que o voto não é dele. APARTE VEREADOR JUAREZ SERAFIM TEMOTEO – falou que tem candidato que não é nem adversário político, e que esta no próprio grupo, e que já foi presidente da Casa, e que tem a cara de pau, e que esta pessoa esteve quatro anos na Casa e que não fez nada e que teve a cara de pau de ir para o sitio e dizer que foi quem fez a reforma do Sítio. Disse que esta pessoa é um tremendo de um mentiroso. Disse que este tipo de candidato que já esteve na Casa e que enquanto esteve na Casa, não foi colocado nenhum tijolo em lugar nenhum, e que agora esta pessoa se acha melhor do que os vereadores, e que foi comentado que esta pessoa falou que foi ele que conseguiu a reforma do Sítio. Disse que os vereadores devem estar sabendo de quem ele esta falando. VEREADOR ALMIR TROYNER – disse que fica atônito, imóvel, surpreso, com determinadas coisas. Disse que sabem perfeitamente, que são mais de cem candidatos para concorrer a treze vagas, citou que no vestibular que são dois três mil candidatos, para cem vagas. Mas falou que no vestibular não existe a possibilidade, de ficar no portão falando para as pessoas para que dêem um jeitinho para não deixar alguém passar no vestibular. Falou que no vestibular, todos vão e que através do conhecimento, falou que na Câmara é para ser pensado nisto. Falou que sabe que algumas pessoas estão lhe ouvindo, e que ele tem a esperança que um dia isto vai acontecer e que as pessoas vão se respeitar e que vão ser dignas umas das outras. Falou que família é sagrada, e que se as pessoas quiserem falar do pré-candidato, e se tiver bastante coragem, para ir falar com o pré-candidato. Disse para não usarem a família do pré-candidato para tentar desmoralizar o pré-candidato. Falou que o ex-prefeito Paulo Chaves tem uma grande experiência política, disse que hoje se vê que não ganha mais eleições, quem grita mais alto. Disse que quem ganha eleição, é quem tem respeito pelo povo, quem tem respeito pela família. Falou que quem sabe onde pisa que a política se faz com um passo após o outro. Disse para nunca pensarem que se derem três ou quatro passos que vão chegar onde querem. Disse que às vezes chegam, mas falou para não esquecerem de que a vida é uma roda gigante e que a roda gigante gira sempre e que eles já viram isso e que não precisa. Falou para fazerem uma campanha correta, uma campanha de propostas, uma campanha de dialogo, e pediu que respeitassem as famílias. Falou que vai chegar uma hora em que alguém não vai agüentar mais, e que quando se mexem com as famílias, falou que é a legitima defesa, e que podem ter certeza disso, pediu para não mexerem com as famílias. Falou que as pessoas não têm condições de enfrentar alguém ferido, quando a família esta sendo atacada, pediu que respeitassem, e falou que se há alguma diferença, para tirarem entre os pré-candidatos, mas para deixarem as famílias de lado. Falou que isso não pode acontecer. APARTE VEREADOR SERGIO ALVES BRAGA Falou que o que lhe deixa triste é que os comentários maldosos vêm de pessoas que já estiveram, na Casa, e que estas pessoas sabem como funciona o Legislativo, e que hoje estão jogando pedras, e colocando famílias no meio, falou que na política não se faz isso, e que não é por aí. Disse lembrar que a dois ou três meses atrás que começaram a soltar pela cidade que o seu secretário era candidato a vereador. Disse que não foram nem uma, nem duas pessoas, mas que foram várias pessoas, disse que passou mais um mês e que começaram novamente os comentários de que ele é inelegível, disse que já falaram em outras eleições, falou que se alguém estiver preocupado com ele, ou com algum vereador dentro da Casa que esta fazendo o trabalho certo o trabalho correto, disse que não deveriam pensar assim. Comentou que diretores ou ex-secretários, que estão usando de uma forma ruim e que estão querendo atingir a Casa de Leis, ou atingir os vereadores que estão na Casa, falou que política não se faz assim, falou que vereador Almir disse muito bem, que a política hoje e de propostas, e que as pessoas tem de ter credibilidade primeira para poder falar, falou que tem de mostrar o porquê veio para a Casa de Leis; Falou que é fácil, que é concorrer, e concorrer. Falou que não é o candidato que escolhe e sim o povo, e que assim como estão na Casa, e que praticamente num termo mais brasileiro, disse que eles vão passar por um curso, e que estão passando por um curso, e que vão ter a prova final em outubro. Falou que se eles forem bem à Casa de Leis, e que o povo reconheceu, quem todos os vereadores e vereadoras atenderam, nas suas bases, nas suas famílias, nas suas casas, disse que serão reconhecidos. Falou que quem não fez o trabalho direito que vai ser reprovado. Disse que isso é fato consumado. Falou que fica chateado e que ele que é mais coerente e que sempre procura ouvir Omo sempre ele fez durante todos estes anos em que ele esta na Casa, disse que não gosta de atingir ninguém, e que nunca fez isso, disse que sempre se esquiva, e que sempre fica na sua e que escuta e sai fora. Falou que a política é uma coisa séria, e que estão votando aquilo que Guaratuba vai ganhar, e que é para o Progresso de Guaratuba. Falou que tudo o que passa n Casa, e que eles são aqueles que votam na Casa, disse que sempre fala que a prefeitura tem o cofre, mas que a Casa de Leis tem a chave, e que são os vereadores que abrem o cofre, falou que a chave para abrir o cofre são os projetos que vem para a Casa de Leis, projetos que vem em benefício da cidade, e que passam pela Câmara. Falou que se eles errarem que é Guaratuba quem perde. Mas falou que felizmente tudo o que vem para a Casa de Leis que é de bom para Guaratuba e que foi votado na Casa e que quase que unânime, disse que esta aí o Progresso de Guaratuba, e que todos estão vendo e que mudou Guaratuba. Disse que Guaratuba deu uma guinada nos últimos anos e que ninguém pode dizer o contrário, e que esta às claras para todo mundo ver. Falou que espera quem seja o novo prefeito que venha pela frente, disse que ninguém tem bola de cristal para adivinhar quem vai ser o novo prefeito, e quem vão ser os novos vereadores, mas falou que aqueles que vierem para a Casa de Leis, o prefeito que sentar na cadeira do Executivo que continue no ritmo e que Guaratuba não pode retroceder nunca. VEREADOR ALMIR TROYNER – disse que as palavras do Vereador Sergio Alves Braga foram belíssimas. Falou que é fugaz a vida de determinados agentes públicos, e que o infortúnio que impera a desgraça das pessoas que só pensam no mal. Falou que dura muito pouco, e que não adianta. Disse para fazerem uma campanha, mas falou que é lógico que cada um quer ter o seu voto e que isso é normal, falou que eles que estão na Câmara e que são pré-candidatos, e que querem se reeleger, mas falou que os pré-candidatos que estão para o lado de fora também querem entrar para a Casa, falou que é um direito de todos e que isso é uma democracia, e que todos tem o mesmo direito. Falou para que todos pensem e coloquem a cabeça no travesseiro, principalmente os que estão os ouvindo, e que são pré-candidatos, para que no dia seguinte ao acordarem, para lembrarem que a política depende de boas pessoas de boa índole, falou que a política não depende das pessoas que trazem o infortúnio na vida. E que tentam denegrir e desgraçar a vida dos adversários e que muitas das vezes fazendo acusações pesadas contra as famílias. Disse que para tudo existe a legitima defesa. Falou para partirem para a caminhada com muito respeito, e respeitando uns aos outros e principalmente as suas famílias. APARTE VEREADOR LAUDI CARLOS DE SANTI – falou que de fato são coisas que indignam eles no seu dia a dia, disse que a pessoa que vai a casa para falar uma barbaridade para uma amigo deles,que bem vira as costas e que as pessoas já estão contando para os vereadores. Falou que não é desta forma que se faz política, e que é baixo demais, falou que em sua opinião é simplesmente uma falta de caráter, e falta de capacidade da pessoa, disse que não é assim que se vão conseguir votos. Falou que a única maneira que uma pessoa despreparada desta acha que é a de denegrir a imagem do seu opositor. Mas falou que mal sabe esta pessoa que esta dando um tiro no pé, e que isto realmente não funciona. Comentou que bem falou o Vereador Sergio Alves Braga que ex-vereador, ex-secretário, que chegam às casas das pessoas e que falam um monte de asneiras, disse que falaram dele, mas falou que mal viraram as costas que as pessoas lhes contam. Disse para tomarem cuidado, porque podem acabar se encontrando numa esquina da vida em uma esquina da campanha futuramente e que pode não dar certo. Falou que todo cuidado é pouco e que todo o respeito todo mundo gosta. VEREADOR ALMIR TROYNER – disse que não podem mais postergar a belíssima administração que vem sendo feita em Guaratuba. Falou que existe muita coisa para ser feita, mas falou que não podem postergar que o desenvolvimento vem sendo um dos pontos fundamentais da administração da prefeita Evani Cordeiro Justus. Falou que é vendo este desenvolvimento que neste dia ele apresentou uma indicação para que seja implantada em Guaratuba a prefeitura nos bairros, disse que já tem em várias cidades, falou que só não tem em cidades às vezes, em que o prefeito não fez nada, e que o prefeito só prometeu, e que aí não pode implantar este projeto, prefeitura nos bairros. Mas falou que Guaratuba pode e que a prefeita pode levar toda a estrutura uma vez por mês para uma escola de um bairro e naquele local desenvolver um atendimento ao povo muito mais próximo, disse que tem muitas pessoas que as vezes não tem condições de vir ao centro e que daí serão atendidas, Falou que este projeto prefeitura nos bairros, é fundamental, disse que já tem através de uma emenda dele e do presidente da casa Mordecai Oliveira, a Câmara itinerante que foi aprovada por todos os vereadores. Disse que se for implantado em Guaratuba a prefeitura nos bairros, falou que vão poder levar a Câmara Municipal também para os bairros, e então fazer uma Sessão igual a que é feita na Câmara normalmente, disse que muitas pessoas tem vontade de vir e ouvir o que os candidatos estão falando, disse que as pessoas votaram nestes candidatos, mas que não tem condições porque às vezes moram muito longe, ou por dificuldade financeira. falou que se a Câmara for até os bairros para levar toda a estrutura, todas as secretarias, falou que estarão muito mais próximos do povo e que o povo vai poder ouvir os vereadores, e que vão poder ouvir a prefeita, o vice prefeito, e a todos os secretários. Disse que é um projeto que ele espera e que tem certeza, que a prefeita Evani vai olhar com bons olhos, falou que a prefeita não teme a nada, e que a prefeita vai a qualquer lugar, em qualquer bairro, em qualquer hora. Falou que prefeitura nos bairros viria em uma boa hora, para Guaratuba, disse que também apresentou uma indicação para que seja instalado nos postos de saúde tanto da área urbana como da área rural bebedouros de água, falou que é inadmissível que hoje eles vivendo da maneira em que vivem em todo o Brasil, que vivendo em Guaratuba que é uma cidade sazonal, e que tem um determinado período do ano em que o calor é muito intenso, falou que muitas pessoas vão ao posto de saúde e que às vezes não tem onde tomar água. Disse que a água é tão importante para o ser humano como o atendimento médico, falou que as pessoas chegam a um posto de saúde, com um problema de saúde ou alguma coisa, falou que corra a enfermeira muito prestativa com um copo de água. Disse que se eles conseguirem instalar os bebedouros de água, e bebedouros elétricos que tem água gelada, falou que iram favorecer a muitas pessoas, e que isto já vem sendo implantado em várias cidades não só do Paraná, também em Santa Catarina e Rio Grande do Sul. Falou que é lógico que ele tem plena consciência que é preciso fazer um estudo, mas falou que esperam que este estudo possa ser realizado e que ainda neste ano eles possam começar a instalar estes bebedouros de água nos postos de saúde. Falou que tanto da área urbana como da área rural. Disse que é fundamental e que hoje nos postos de saúde eles não podem mais admitir que Postos de saúde não tenham bebedouros de água gelada e que não tenham ar condicionado. APARTE VEREADORA MARIA DA SILVA BATISTA – parabenizou o vereador Almir Troyner pela inteligência, disse que sempre vão a postos de saúde e tem que levar água, falou que alem de um bebedouro, pediu um banheiro para cadeirantes, falou que vai se cansar de pedir em Plenário, falou que no Coroados quando ela vai, os cadeirantes vão para casa fazerem suas necessidades porque não tem banheiro para cadeirantes. Parabenizou pelo pedido e pelo projeto do vereador Almir Troyner, falou que isso é importante pensarem que em Guaratuba tem que progredir e que as pessoas que vão ao posto de saúde, que precisam de um banheiro e que precisam tomar água, e que precisam de qualidade de vida. VEREADOR ALMIR TROYNER – disse que hoje eles vivem em uma cidade que vem desenvolvendo a passos longos e que devem começar a acreditar que tudo isso faz parte do desenvolvimento da cidade, e que principalmente o atendimento ao ser humano.------------------------------------------

ORDEM DO DIA – - não houve. --------------------------------------------------------

PALAVRA LIVRE –VEREADOR JUAREZ SERAFIM TEMOTEO – Cumprimentou a todos. Comentou que as Sessões são acompanhadas por diversas pessoas, e que inclusive por todos os pré-candidatos, falou que até o dia 16 queiram ou não todos são pré-candidatos, Disse que quer fazer uma orientação, falou que mesmo que a ultima convenção vai ser no dia 4, disse para que os candidatos não divulguem os seus números, no Face, no Whatsapp, nas redes sociais, falou que corre seriamente o risco, disse que não esta só falando da sua coligação, falou que é de todos os partidos, falou que correm seriamente o risco de ter a candidatura caçada. Falou que tem vários candidatos aos quais ele sabe que estão acompanhando através da internet pelo site da Câmara a Sessão, Falou que queria deixar uma orientação a todos, que se quiserem chegar no dia dois de outubro para não divulgarem os seus números antes do dia 16 de agosto.-----------------------------------------------------

PALAVRA LIVRE VEREADOR ARTUR CARLOS DOS SANTOS – Cumprimentou a todos, falou ao vereador Juarez que a ultima convenção é no dia 5 de agosto, falou que é dia quatro, mas que tem mais uma dia 5. Parabenizou pelo alerta e comentou que tem pessoas que ainda não sabem. Falou que Guaratuba deveria ter eleições de seis em seis meses, porque ele viu que foi muito bom para Guaratuba. Falou que os maquinários estão nas ruas, e que as ruas estão sendo patroladas, e que os seus pedidos não estão sendo necessário virem para a Casa, disse que chega à garagem e que no outro dia esta sendo executado. Falou que se fosse de seis em seis meses as eleições, que Guaratuba iria ganhar muito. Disse que ainda ficaram alguns pedidos deles, mas que ainda não foram cobertos os pontos de ônibus, que algumas proposições que foram feitas ainda não foram executadas, Mas falou que acredita que com o trabalho que esta na rua, que em pouco tempo até outubro com certeza vai ser finalizado. Agradeceu.----------------------------------------------------

PALAVRA LIVRE VEREADORA MARIA DA SILVA BATISTA – Cumprimentou a todos. Agradeceu a Deus por ela estar viva, e por encontrar todos os outros vereadores vivos também. Disse que é grata a Deus por isso, Mandou condolências para a família da senhora Luiza de Souza, falou que esta família é uma das fundadoras do bairro Coroados, família do senhor Gino, do Generoso, pelo falecimento da senhora dona Ana que faleceu no sábado e que no dia anterior foi o sepultamento, Lembrou-se do pronunciamento do senhor Almir Troyner a respeito das pessoas que os difamam, disse que já esta acostumada, e que chegou a conclusão que os que lhe difamam, é os que querem o seu lugar. Falou que se forem incompetentes que ela não pode fazer nada, falou a respeito do cidadão em que foi comentado por um vereador, falou que no começo do ano ele estava em um Congresso e que este cidadão começou no celular a mandar mensagem, disse que este cidadão foi no seu álbum de fotos, falou que mandou um recadinho para este cidadão, que ele tinha três minutos para parar de passar, falou que ao contrário ela iria para a Tribuna e que iria rezar o terço para este cidadão. Falou que quando este cidadão esteve na Casa até um afastamento para a Prefeita Evani este cidadão pediu. Falou que este cidadão é um incompetente, e que hoje este cidadão fala mal dos vereadores como se fosse uma pessoa que fez a diferença na Câmara. Falou que para ela Estée cidadão não fez diferença nenhuma, e se este cidadão fizesse que estivesse assumindo uma cadeira como o vereador Sergio Alves Braga que tem seis mandatos, e que são muitos outros também. Disse que fica triste, e que já escutou comentário deste cidadão falando mal dela, falou que não deve nada para este cidadão, e disse que vai para as urnas e que quem vai dar a resposta é a urna, que são os eleitores, Disse que se este cidadão for bom que volta, e se não for bom que não venha se passando e falando mal de todo mundo. ---------------------------

PRESIDENTE MORDECAI MAGALHÃES OLIVEIRA – Falou a respeito do senhor Chico Farro, falou que foi um poeta que Guaratuba tinha, e que era denominado o Príncipe da Prainha, falou que no passado chegou a escrever uma carta ao Presidente da República que dava por independência da Prainha, falou que durante os anos em que conviveram juntos, falou que fez o primeiro ano de direito com este senhor, falou que fica a tristeza que Guaratuba ontem pela madrugada perdeu um grande homem, um grande poeta, Falou que grande de tamanho e grande de coração.------------------------------------------------------------------------------------

ENCERRAMENTO – Nada mais havendo para ser deliberado, o Presidente agradeceu a presença de todos, deu por encerrada a presente sessão às vinte horas e quarenta e dois minutos, marcando nova Sessão Ordinária para o dia oito de agosto de dois mil e dezesseis às vinte horas. Para contar eu (        Laoclarck Odonizetti Miotto – Secretário Geral) bem e fielmente redigi, digitei e conferi a presente Ata. ------------------------------------------------------------------------------

  

MORDECAI MAGALHÃES DE OLIVEIRA

Presidente

SERGIO ALVES BRAGA

1º Secretário

FABIO LUIZ CHAVES

2ª Secretário

DATA - HORARIO – LOCAL – aos quatro dia do mês de julho do ano de dois mil e dezesseis às vinte horas no Plenário da Câmara Municipal de Guaratuba, Estado do Paraná. ---------------------------------------------------------------------------------------------------------------

PRESENÇAS – MORDECAI MAGALHÃES DE OLIVEIRA – Presidente, MAURICIO LENSE - Vice-presidente, SERGIO ALVES BRAGA – Primeiro Secretário, FABIO LUIZ CHAVES – Segundo Secretário e demais Vereadores: ANA MARIA CORREA DA SILVA, ARTUR CARLOS DOS SANTOS, ITAMAR CIDRAL DA SILVEIRA JUNIOR, JOAO ALMIR TROYNER, JUAREZ SERAFIM TEMOTEO, LAUDI CARLOS DE SANTI, MARIA DA SILVA BATISTA e RAUL CHAVES.  A vereadora Cátia Regina Silvano justificou a não presença. --

ABERTURA –Sobre a proteção de Deus e verificando a existência de número legal de presentes o Presidente declarou aberta a Sessão. -------------------------------------------------------

EXPEDIENTES RECEBIDOS – oficio diversos do Executivo. ----------------------------------------

APROVAÇÃO DA ATA – em discussão a ATA do dia trinta do mês de junho de dois mil e dezesseis. APROVADA. -----------------------------------------------------------------------------------------

PROPOSIÇÕES APRESENTADAS. -------------------------------------------------------------------------

MATERIA APRESENTADA – ----------------------------------------------------------------------------------

Projeto de Lei n° 607 – Altera a redação do inciso III, artigo 2° da |Lei Municipal n° 1.366 de 14 de outubro de 2009, que concede ao contribuinte aposentado ou pensionista isenção fiscal do IPTU. ------------------------------------------------------------------------------------------------------

PROPOSIÇÕES DOS VEREADORES –Vereador João Almir Troyner – reforma do parquinho da Praça da Bíblia, colocação de material na Rua Teixeira Soares, colocação de material e patrolamento na Rua Caetano Munhoz da Rocha, colocação de material e patrolamento da Rua Niche Andreoli. TODAS AS PROPOSIÇÕES FORAM APROVADAS. -

ORADORES INSCRITOS NA TRIBUNA – não houve. -------------------------------------------------

ORDEM DO DIA – não houve. ---------------------------------------------------------------------------------

PALAVRA LIVRE –

 

ENCERRAMENTO – nada mais tendo a deliberar o Presidente agradeceu a presença de todos e também os que acompanharam pela internet e deu por encerrada a presente sessão às vinte horas e trinta e nove minutos. Marcou nova sessão ordinária para o dia vinte e cinco de julho de dois mil e dezesseis às vinte horas. Para contar                           eu (Edilson Garcia Kalat – Secretário Geral) bem e fielmente redigi, digitei e conferi a presente Ata. --------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

 

MORDECAI MAGALHÃES DE OLIVEIRA

Presidente

SERGIO ALVES BRAGA

1º Secretário

FABIO LUIZ CHAVES

2ª Secretário

DATA - HORARIO – LOCAL – aos vinte e cinco dias do mês de julho do ano de dois mil e dezesseis às vinte horas no Plenário da Câmara Municipal de Guaratuba – estado do Paraná. -------------------------------------------------------------------------

PRESENÇAS – MORDECAI MAGALHÃES DE OLIVEIRA – Presidente, MAURICIO LENSE - Vice-presidente, SERGIO ALVES BRAGA – Primeiro Secretario, FABIO LUIZ CHAVES – Segundo Secretário e demais Vereadores: ANA MARIA CORREA DA SILVA,  CATIA REGINA SILVANO, ITAMAR CIDRAL DA SILVEIRA JUNIOR, JOAO ALMIR TROYNER, JUAREZ SERAFIM TEMOTEO, LAUDI CARLOS DE SANTI, e MARIA DA SILVA BATISTA. Os Vereadores Artur Carlos dos Santos e Raul Chaves justificaram a não presença. ------------------------------------------------------------------------------

ABERTURA – Sob a proteção de Deus e verificando a existência de número legal de presentes o Presidente declarou aberta a Sessão. --------------------------------------

APROVAÇÃO DA ATA – em discussão as ATAs dos dias quatro e sete do mês de julho de dois mil e dezesseis. APROVADAS.----------------------------------------------

EXPEDIENTES RECEBIDOS – OFICIOS DO GABINETE DO DEPUTADO NELSON JUSTUS INFORMANDO A APROVAÇÃO DO PROJETO DE LEI 356/2016, O QUAL AUTORIZOU O ESTADO DO PARANÁ A DOAR TERRENO AO MUNICÍPIO DE GUARATUBA . ------------------------------------------------------------------------------

PROPOSIÇÕES/INDICAÇÕES DOS VEREADORES – não houve. -------------------REQUERIMENTOS DOS VEREADORES – não houve. ---------------------------------

MATÉRIA APRESENTADA  - ------------------------------------------------------------

Projeto de Lei nº 1.410 – Dispõe sobre o parcelamento de débitos referente ao equacionamento do déficit técnico atuarial do Município de Guaratuba com seu regime Próprio de Previdência Social - RPPS. --------------------------------------------

ORADORES INSCRITOS NO LIVRO DE DEBATES - - não houve. -------------------ORDEM DO DIA – - não houve. ---------------------------------------------------------

PALAVRA LIVRE – -----------------------------------------------------------------------VEREADORA MARIA DA SILVA BATISTA –Cumprimentou a todos. Primeiramente agradeceu a deus por estar no Plenário novamente, para dar continuação ao trabalho, desejou a todos os vereadores uma vinda de paz, de respeito, e que possam até chegar a data do final de ano, e que estejam respeitosamente uns com os outros, e que um respeite o espaço um do outro, para dar continuação ao trabalho. Agradeceu--------------------------------------------------VEREADOR JOÃO ALMIR TROYNER – Primeiramente agradeceu a Deus e a Nossa senhora Aparecida, cumprimentou a todos. Fez suas as palavras da vereadora Maria da Silva Batista, disse que possa iniciar a campanha eleitoral de uma maneira franca, de uma maneira transparente e que a campanha eleitoral seja feita nas ruas nas casas, mas que de uma maneira respeitosa tanto com o eleitor como com os adversários. Falou que política não deve ter cor, cara ou nome. Falou que o eleitor não se escolhe que se conquista e quando não se conquista um eleitor, que nada adianta atacar o seu colega, que também é candidato. Falou que se não foi conquistado o eleitor durante o mandato do seu exercício, disse que não é agredindo o seu colega ou tentando denegrir a imagem de seu adversário, do colega de bancada que vai ser conquistado o eleitor. Falou para que a campanha seja sem fins espúrios, disse para não esquecerem os companheiros, as pessoas de primeira hora, que não devem tratar mal as pessoas que os ajudaram que os acompanharam durante todo o exercício do seu mandato. Disse que devem sim respeitar as famílias, respeitar os candidatos, falou para irem para uma campanha circunscrita, ou muito reduzida, falou que vão ser quarenta e poucos dias. Mas falou que deve ser uma campanha sem maldade, sem ataques sorrateiros, falou que ninguém vota em quem grita mais alto. Falou que as pessoas votam em quem tem propostas, em quem andou ao lado do povo e quem foi leal e quem foi companheiro. Disse que não podem deixar que a campanha política virasse um ringue, e que não podem deixar que a campanha política se tornasse uma maneira de se agredir o seu colega ou seu companheiro. Falou que podem ser eles vereadores ou os pré-candidatos, e que eles ainda são pré-candidatos. Disse que não devem implantar em seus sistemas de campanha a discricionariedade para escolherem um candidato a prefeito. Disse que devem ter um lado certo e que devem respeitar os adversários, e que cada um pensa de uma maneira e que cada um tem a sua ideologia política, e que cada um tem o seu candidato. Falou para respeitarem as ideias, falou para não começarem com invencionice, e para não começarem com ataques denegrindo a imagem do colega e que acham que com isso estariam ganhando voto. Falou que esta época já passou, e que não existe mais. Disse que hoje as pessoas votam no cidadão, no homem, na mulher no pai de família, na mãe na esposa, e que desta maneira não precisam inventar maldades contra as pessoas, denegrindo a imagem, denegrindo a moral Falou que depois tudo se esclarece e que veem que tudo foi mentira. Falou que hoje o eleitor e que nem na cidade de Uruguaianinha que é uma cidade no Mato grosso, e que tem o menor numero de leitores do Brasil, falou que não chega a mil eleitores. Disse que nem nesta cidade não se admite mais este tipo de política. Falou que aquele que se esquece de onde veio que não sabe para onde vai. Disse que espera que eles iniciem neste dia a campanha, mas que a campanha seja da lealdade, que seja da transparência, mas que seja na rua, disse para que a campanha não venha para dentro do séquito, para que não suba para a Tribuna e para que não aconteça que ao invés dele debaterem propostas e apresentarem propostas, para entrarem em embates políticos, de agressões de pessoas que as vezes não medem o que fala e que depois fica difícil tentar consertar. Disse que as palavras depois de proferidas não lhes pertencem mais.------------------------------------------------------------------

VEREADOR MAURICIO LENSE – Cumprimentou a todos, e deu boas vindas a todos, e falou que mais uma vez eles estão no Plenário discutindo os tantos problemas da cidade de Guaratuba. Desejou que a campanha fosse iluminada, e que Deus ilumine a mente dos candidatos para que sejam sinceros, pediu que Deus iluminasse a mente dos eleitores, para que enxerguem a verdade. Disse que a luta de todos eles pré-candidatos não é pelo poder e sim para poder ajudar Guaratuba de alguma forma. Falou que esta é a luta dos pré-candidatos, pediu que Deus colaborasse com todos e que todos tenham êxito nos seus propósitos. Parabenizou o professor Alexandre Vieira, e o Mestre Toniolo, pelo projeto Jiujitsu construindo campeões, onde são atendidas cinquenta crianças, dando esporte, saúde, educação, disciplina e respeito. Falou que as crianças estavam sendo atendidas no quartel da policia militar, mas que temporariamente esta na Academia do Quilerbis e que depois serão atendidos no Ginásio José Richa. Falou que essas pessoas participaram da segunda etapa do Campeonato Paranaense e que consegu9ram o terceiro lugar geral. Parabenizou dizendo que este é o caminho, e que o esporte de Guaratuba a precisa ser ajudado. Falou que esteve na Barra do Saí no salão da igreja onde aconteceu um almoço beneficente. Parabenizou a todos, e principalmente as cozinheiras que fizeram uma comida deliciosa. Falou que esteve no local e que saboreou a comida, parabenizou dizendo que realmente a toda a comunidade pelo envolvimento em prol a pessoa que necessitava de ajuda. Agradeceu.-----------------

VEREADOR ITAMAR CIDRAL DA SILVEIRA JUNIOR – Cumprimentou a todos. Iniciou deixando um recado na sua explanação pessoal. Disse que é o ultimo semestre legislativo, neste mandato. Pediu que todos tiver a lucidez de encarar  o fim de mandato. Pediu que Deus concedesse o desejo de cada um, segundo a vontade e o empenho do trabalho. Deixou os parabéns para os organizadores da Festa do Divino. Falou que o Casal trouxe através da Festa do Divino, muitas pessoas para a cidade, e que foi gerada a economia durante a semana da Festa. Falou que é uma economia que esta praticamente parada, devido a retração econômica. Disse que foi algo muito bom, e que ele passou no local em dois dias, e que achou a festa muito bonita e que a organização digna de festas modernas, e bem preparadas. Desejou a todos os secretários municipais que também vão findar o semestre como agentes políticos, todos os diretores de departamento, a todos os comissionados, concursados, que irão findar este período da administração que já esta se findando. Desejou muita lucidez  para o próximo prefeito, falou que não terão nenhuma candidata a prefeita, mas que pode ser que aconteça, desejou toda a lucidez. E deixou registrado a sua crítica a atual administração. Falou que não foi mandado nenhum representante na Sessão da Câmara desta noite, PRESIDENTE MORDECAI OLIVEIRA – justificou que devido ser ano político que não foi enviado nenhum convite e que não foi convidado ninguém. VEREADOR ITAMAR JUNIOR- retirou a sua crítica, mas falou que deveria ter independente de ano político,. Continuou dizendo algo muito sério e muito bonito para a cidade de Guaratuba, disse que Guaratuba tem encaminha nesta semana quase uma dezena de soldados, cabos, do Exército através o setuagésimo segundo Batalhão de Infantaria para o Rio de Janeiro para as Olimpíadas, citou o cabo da Silveira, que é seu irmão e que esta no Rio de Janeiro representando Guaratuba, e que é uma missão muito séria, Falou que vai ser recebido várias delegações e que tem uma dezena no Rio de Janeiro de soldados de Guaratuba. Disse que algo, sério e algo muito importante, e pediu a Deus que dê a lucidez nestas Olimpíadas, falou que não estão no escape de situações piores. Falou que a Força Nacional encaminhou oitenta mil homens e que tem mais de uma dezena de Guaratuba. Falou que ele encaminha com votos de muita representatividade, ao Setuagésimo segundo Batalhão e aos militares principalmente da cidade de Guaratuba. Disse que é uma pessoa de pensamento forte e que foi isso que o trouxe até a Câmara, mas que costuma respeitar as posições ideológicas dos parlamentares, caso sejam muito bem balizadas, falou que não é qualquer coisa que ele concorda, mas que no intimo e no pessoal que ele não quer mal há ninguém e que não quer nenhum ser humano e nenhum cidadão vivendo maus momentos. Desejou no momento final todo o sucesso, e disse que vai lembrar que embora eles ainda não saibam quantos eles vão ter o segundo mandato, e quantos vão ter terceiro, quarto, desejou a todos e disse que com certeza ele levará ou que vai permanecer em sua lembrança, todas as benevolências que recebeu dos parlamentares, a nível ideológico, falou que também vai lembrar-se de todas as maldades que recebeu no Parlamento. Falou que sempre quer pesar que nem tudo são flores, mas que isso vem a ser registrado que na verdade todos querem que seja diferente e que por isso a cada quatro anos, mudanças acontecem e que para isso que a democracia existe. Falou que com mais respeito ele consegue e representa uma parte da população e que pretende se reeleger para um próximo mandato se assim a população entender. Disse que tem a democracia como base e com uma meta extra neste momento. Agradeceu e desejou sucesso a todos.---------

MAURÍCIO LENSE – disse que só esqueceu de registrar a ausência do Vereador Artur dos santos, e que o vereador pediu que justificasse porque não teve condições de chegar. PRESIDENTE OLIVEIRA – disse que será justificado.---------------------

VEREADORA CATIA REGINA SILVANO – Cumprimentou a todos. Desejou um bom início de segundo semestre a todos, desejou a todos os parlamentares sucesso na longa batalha que têm pela frente. Pediu a Deus que dê paciência para todos os vereadores e desejou sucesso a todos. Agradeceu.--------------------------------------

VEREADORA ANA MARIA CORREA – Cumprimentou a todos. Desejou que nos cinco meses um bom trabalho a todos os vereadores, uma boa campanha, e pediu  a Deus que abençoe a todos, e que lhes dê saúde,  falou que todos descansaram e que todos se divertiram, e que agora tem os cinco meses pela frente e que será de batalha. Desejou a todos os vereadores um bom trabalho e também a todos os assessores e funcionários da Casa. Falou que neste dia é o dia do Motorista, parabenizou todos os motoristas da cidade, da área urbana e da área rural. Agradeceu.---------------------------------------------------------------------------------- VEREADOR LAUDI CARLOS DE SANTI – Cumprimentou a todos e em especial a sua esposa e seu filho que estão presentes. Desejou um bom retorno a todos, e pediu a Deus que os dê muita paz, serenidade, na caminhada, e desejou sucesso a todos que vão correr nesta empreitada, falou que não vai ser fácil para ninguém nos próximos dois meses, disse que é uma labuta muito forte.  Falou que talvez nem todo mundo tenha sucesso, mas que todo mundo vai correr atrás. Disse que isto é normal e que faz parte de democracia e que é assim que funciona. Falou que só é bom estar na Câmara quando se é útil, disse que todos têm o dever e a sensação do dever cumprido, e falou que quando se há conquistas, disse que neste dia tem mais uma conquista para Guaratuba, que é o futuro Centro de Eventos, falou que é mais uma conquista de Guaratuba, que foi pela labuta do Deputado Nelson Justus e da Prefeita Evani Justus e do senhor Gil Justus, que tanto correm e brigam pelo município, e que vão deixar um legado de muita conquista e de muita obra, e de muito progresso para Guaratuba. Falou que isto faz com que valha a pena estar na Câmara, olhando para frente e sempre almejando algo a mais de bom para o município. Disse que isto a prefeita Evani e o deputado Nelson sempre foram incansáveis nesta trajetória, de sucesso que Guaratuba vem tendo nos últimos anos. Espera que daqui para frente cada vez mais, falou que não tem dúvida que o empenho não faltará, disse que tem exemplos recentes de conquistas que Guaratuba, nunca sonhou anteriormente em outros governos e que hoje se vê Guaratuba caminhando por um caminho de progresso e de prosperidade e de melhora para os munícipes, desenvolvendo a estrutura do município como um todo e também a economia, mas que embora uma maré muito triste no Brasil na questão econômica, mas falou que Guaratuba esta sabendo lidar pela boa administração que tem e com todos os problemas, que esta dando a volta por cima, com transparência e com serenidade, mesmo com toda a crise, que Guaratuba esta crescendo, desenvolvendo, disse que é isso que eles esperam dos políticos que hoje ele representa também. Agradeceu a todos e desenhou sucesso a todos.-----------------

VEREADORA MARIA DA SILVA BATISTA – Disse que só para parabenizar os motoristas, e que em especial os seus filhos que são motoristas de ônibus e a todos os motoristas da cidade de Guaratuba, e de todo o Brasil que Deus de todo o, livramento no trabalho e que eles também vão fazer as suas orações neste dia, disse que é o dia do motorista e que quando forem dormir  que é um dever de todos orar, rezar, e agradecer a Deus para que tenha livramento, todos os dias nas estradas, Falou que como mãe de motorista, e que sempre dependeu dos motoristas, que só tem que agradecer a Deus pela profissão digna que Deus deu a seus filhos. Agradeceu---------------------------------------------------------------------

VEREADOR JOÃO ALMIR TROYNER – Falou que na verdade ele prestou muita atenção no que o Vereador Mauricio Lense falou com relação ao Alexandre, disse achar fantástico o trabalho do Alexandre , e que o professor Xixo também que faz um trabalho idêntico, e que foi conseguido neste final de semana algumas medalhas de ouro de prata e de bronze, que levaram as crianças. Falou que sempre diz, que toda criança que pratica esporte, que vai a igreja, que vai a escola, que dificilmente o pai vai buscar na porta da Delegacia.---------------------------------------------------

PRESIDENTE MORDECAI MAGALHÃES DE OLIVEIRA – Disse que o vereador Laudi falou a respeito do Projeto do centro de Eventos, falou que participou da Comissão de Justiça e Redação, quando foi votado o Projeto, falou que participou do empenho do Governador Beto Richa em mandar o Projeto, falou que foi votado a toque de caixa para que Guaratuba fosse beneficiada. Disse que é um terreno enorme e que são trinta e nove mil metros quadrados, e que tem mais uma parte que é do município que fica atrás deste terreno, e que deverá ser englobado também. Disse que terão um espaço para um Centro de Eventos de primeira categoria que não vai deixar a desejar para outras cidades.----------------------------

ENCERRAMENTO – Nada mais havendo para ser deliberado, o Presidente agradeceu a presença de todos os presentes e aos internautas e após a execução do  Hino Oficial de Guaratuba deu por encerrada a presente sessão às vinte horas e trinta e quatro minutos, marcando nova Sessão Ordinária para o dia primeiro de agosto de dois mil e dezesseis às vinte horas. Para contar eu (        Laoclarck Odonizetti Miotto – Secretário Geral) bem e fielmente redigi, digitei e conferi a presente Ata. ------------------------------------------------------------------------------

 

MORDECAI MAGALHÃES DE OLIVEIRA

Presidente

SERGIO ALVES BRAGA

1º Secretário

FABIO LUIZ CHAVES

2ª Secretário

DATA - HORARIO – LOCAL – aos vinte e sete dias do mês de junho do ano de dois mil e dezesseis às vinte horas no Plenário da Câmara Municipal de Guaratuba, Estado do Paraná. ---------------------------------------------------------------------------------------------------------------

PRESENÇAS – MORDECAI MAGALHÃES DE OLIVEIRA – Presidente, MAURICIO LENSE - Vice-presidente,SERGIO ALVES BRAGA – Primeiro Secretário,FABIO LUIZ CHAVES – Segundo Secretário e demais Vereadores: ANA MARIA CORREA DA SILVA, ARTUR CARLOS DOS SANTOS, CATIA REGINA SILVANO, ITAMAR CIDRAL DA SILVEIRA JUNIOR, JOAO ALMIR TROYNER, JUAREZ SERAFIM TEMOTEO, LAUDI CARLOS DE SANTI, MARIA DA SILVA BATISTA e RAUL CHAVES. ------------------------------------------------

ABERTURA –Sobre a proteção de Deus e verificando a existência de número legal de presentes o Presidente declarou aberta a Sessão. -------------------------------------------------------

EXPEDIENTES RECEBIDOS – oficio diversos do Executivo. ----------------------------------------

APROVAÇÃO DA ATA – em discussão a ATA do dia vinte do mês de junho de dois mil e dezesseis. APROVADA. -----------------------------------------------------------------------------------------

PROPOSIÇÕES APRESENTADAS. -------------------------------------------------------------------------

PROPOSIÇÕES DOS VEREADORES –Vereador Artur Carlos dos Santos – patrolamento e colocação de saibro na Rua Marechal Deodoro, patrolamento e manutenção da Rua Clotario Portugal, manutenção de meio fio na Rua Treze de Maio, troca de lâmpada na Rua Caetano Munhoz da Rocha, manutenção de bloquetes na Rua São José de Pinhais, patrolamento e colocação de material na Rua Capitão Joaquim Braga, troca de lâmpada na Rua Capitão João Braga, patrolamento e colocação de saibro na Rua Pedro Alvares Cabral, patrolamento e colocação de saibro na Avenida Curitiba. Vereadora Cátia Regina Silvano – patrolamento e ensaibramento na Rua João Gualberto, reparos asfálticos na Avenida Guarani, patrolamento na localidade do Descoberto, Riozinho, Empanturrado. Vereador João Almir Troyner – colocação de material e instalação de meio fio na Rua Vieira dos Santos. Todas as proposições foram aprovadas. ---------------------------------------------------

INDICAÇÃO –Vereador Juarez Serafim Temoteo – participação do grupo dos Trilheiros SMD com suas motos no desfile cívico do dia 29 de abril, implantação de campinhos de futebol em todos os bairros. Vereadora Maria da Silva Batista - implantação da subprefeitura no Bairro do Coroados. INDICAÇÕES APROVADAS. --------------------------------

MOÇÃO– Vereador Mauricio Lense – moção de aplausos a ACIG – Associação Comercial e Empresarial de Guaratuba. APROVADO. ----------------------------------------------------------------ORADORES INSCRITOS NA TRIBUNA – VEREADOR JOÃO ALMIR TROYNER – Presidente Oliveira falou ao vereador João Almir Troyner que os Projetos de Lei em que a Mesa entender que não é da autoria da Presidência e citou o artigo 97 do Regimento Interno da Câmara Municipal de Guaratuba, VEREADOR JOÃO ALMIR TROYNER – falou que é a primeira vez que isto esta acontecendo na Câmara de Guaratuba, PRESIDENTE OLIVEIRA disse que não vão discutir a respeito deste assunto. VEREADOR JOÃO ALMIR TROYNER – agradeceu a Deus e a Nossa Senhora Aparecida, cumprimentou a todos. Falou que fica triste porque ele apresentou um Projeto de Lei, e que agora a Mesa vai decidir se o Projeto de Lei vai ser apresentado na Casa, disse que já não sabe o que esta acontecendo na Câmara Municipal, falou que logo vai ser preciso pedir autorização para entrar na Câmara. Nas falou que mesmo assim ele vai ler o Projeto de Lei. Disse que acha uma falta de respeito muito grande que foi feito dentro da Casa de Leis. Disse que apresentou o Projeto e comentou que se o Projeto vai passar ou não vai passar que é outra coisa, mas falou que deixar de apresentar o Projeto no Plenário de um vereador, falou que já não é mais nem autoritarismo mais. Falou que apresentou um Projeto de Lei, e que o Presidente falou que primeiramente vai decidir se o Projeto deve vir ou não, falou que tem a súmula que altera o inciso terceiro segundo a Lei Municipal 1366 de 14 de outubro de 2009, que esta Lei concede ao contribuinte aposentado ou pensionista isenção fiscal relativa ao Imposto Predial e Territorial Urbano, IPTU, e da outras providências. Falou que até hoje existe uma lei onde beneficia os aposentados no IPTU, até que o valor venal do imóvel seja até 60mil reais, disse que apresentou o Projeto e que seus direitos foram cerceados, dentro da Casa, e falou que chega uma hora em que se tem de tomar uma decisão e falou que não é uma brincadeira e que é uma Casa séria e falou que ele foi eleito com os mesmos direitos dos demais vereadores, falou que respeita a hierarquia, e que sempre foi muito educado, mas falou que não pode admitir que fosse feito uma coisa dessas. Disse que o seu Projeto aumenta para que o valor venal de 60 que suba para 100 mil reais, e que assim beneficiaria a todos os aposentados. APARTE VEREADOR SERGIO ALVES BRAGA - falou que acompanhou o raciocínio do vereador João Almir Troyner, e o pronunciamento, primeiramente respondeu para o vereador Troyner que o Presidente falou a Mesa, mas que não é a Mesa, que o Presidente é quem tomou esta atitude, falou que outro detalhe o qual ele acha que é muito importante e viável, disse que a mudança no valor, foi mudada através de um Projeto e que este Projeto é de sua autoria inclusive, no ano anterior ou no retrasado. Falou que aparentemente eles estão tentando descobrir e pegar o fio da meada, mas que parece que não foi sancionado pela prefeita. Falou que na época ele lembra que o Procurador do Município, disse que não poderia aumentar o valor venal, e que iria beneficiar pessoas que ganham salário mínimo, mas que o valor do imóvel esta aumentando, ano a ano. Mas falou que o que os aposentados tem de desconto continua abaixando, e que continua os 60 mil que era viável, falou que houve uma confusão e que ele procurou na prefeitura e que ninguém sabe onde esta este Projeto, falou que é só para deixar ciente o vereador João Almir Troyner, que alguma coisa têm na continuação do projeto do Vereador Almir. Falou que é bom dar uma pesquisada para que depois não vá para o Executivo e que retorne novamente. Falou que seriam dois Projetos e que não seria legal e que seria inconstitucional. Pediu ao Vereador Almir que procure junto ao departamento da Prefeitura, e que eles podem ir juntos, mas falou que já foi até a Prefeitura e que não foi encontrado, mas falou que existe alguma coisa neste valor, que é de 100 mil para 120 mil. Disse que esta falando para não ficar em contradição, e que ficaria ruim para a Casa. VEREADOR JOÃO ALMIR TROYNER – agradeceu as palavras do vereador Sergio Alves Braga, mas disse que tomou todo o cuidado, e que é por isto que ele acha que o despotismo dentro da Casa tem de acabar, e que isto já passou dos limites. Falou que tomou todo o cuidado e que a única Lei que tem é de 2009, e que foi sancionada pela prefeita, mas falou que não existe nem uma lei sancionada pela prefeita antes de 2009, e que esta Eli fala que é até 60 mil reais. Falou que só apresentou o Projeto de Lei, porque não existe outro Projeto, disse que é lógico se existisse uma lei do vereador Sérgio Alves Braga de 120 mil, falou que n ao teria como apresentar uma de 100mil. VEREADOR SERGIO ALVES BRAGA falou que o Projeto foi votado na Casa e que foi para a prefeita. Vereador João Almir Troyner disse que concorda com o vereador Sergio Alves Braga, e disse que não existe e que foi por este motivo que ele apresentou este Projeto.  Falou que acha que foi uma falta de respeito muito grande, e que se fosse para cercear e não deixar ser apresentado o Projeto neste dia, disse que fossem e verificassem, falou que é lógico que se tivesse outro Projeto de 120 mil, porque ele iria apresentar um de 100 mil. Falou que vão acabar com despotismo, falou que não concorda com uma coisa dessa e que não sabe o porque que ele foi eleito e que os quinhentos e poucos votos não valeram nada. Falou que neste dia diante de tantas coisas ruins, disse que tem coisas boas e falou que hoje é dia de Nossa senhora do Perpétuo Socorro, e que isto é a melhor coisa que tem. Falou que ele tem uma vida quando tem fé respeito, e que principalmente pelos seus irmãos. Fez uma deferência muito especial a todas as pessoas e que em especial a prefeita Evani Justus, ao Secretário de Turismo o senhor Vandir Esmanioto, a diretora de Cultura Débora, e tantos outros empresários que no último final de semana estiveram no Festival Internacional de Turismo das Cataratas. Disse que é um dos maiores festivais de turismo da América latina. Falou que é um Festival ao qual ele teve o prazer de participar no ano anterior, e que reúnem neste festival, todos os ministros do turismo do MERCOSUL. Falou que é um Festival que mostra o potencial que tem cada cidade turística, e quem mostra a importância de desenvolver o turismo no município. Falou que mais uma vez estava presente a senhora Evani Justus a prefeita Municipal, o senhor Vandir que é o grande mestre da gastronomia, disse que o senhor Vandir apresentou no Evento um prato que foi um sucesso. Lembrou que na vez anterior foi apresentado da Denise do Solimar, do seu restaurante os brigadeiros sem lactose, e que foram um sucesso. Disse que participaram de várias palestras e que ele teve a felicidade de ser o único vereador do Paraná a estar presente neste evento. Falou que teve a felicidade de ser convidado para fazer uso da palavra em um dos maiores eventos de turismo. Disse que vê que Guaratuba precisa som de um desenvolvimento do turismo e que aos poucos eles estão conseguindo isto. Disse que as vezes ele houve falar que é preciso fazer mais eventos. Disse que isso é muito importante e que lês tem de fazer todo ouvido. Falou que já trouxe vários eventos para Guaratuba, e que ele esta trazendo nos próximos meses, mas uma etapa do Sul Brasileiro de Kart, que mais uma vez o Guaratuba Combate, e falou que todas as vezes que ele trouxe algum evento para Guaratuba, disse que tiveram o apoio incondicional da prefeitura. Disse que o apoio da prefeitura, na pessoa da senhora prefeita que muitas das vezes não é financeiramente, mas que é dando espaço e dando condições para que possam trazer um evento para Guaratuba. Falou que vê no senhor Vandir e na Débora, dois grandes incansáveis em trazer eventos para Guaratuba. Mas falou que as pessoas às vezes não entendem que todo e qualquer evento é muito caro. Disse que ao tem evento barato, e que ninguém vem som para aparecer fazendo um evento. Falou que tem de haver a contrapartida do município. Falou que todos os eventos que ele trouxe para Guaratuba que teve a contrapartida do município, disse que mesmo que seja autorizando a usar o espaço de uma rua, mesmo que seja autorizando usar a estrutura das secretarias municipais, mas falou que isso mostra que há um incentivo do município para com o turismo, falou que se eles pudessem trazer muito mais para o turismo seria melhor. Falou que hoje ele vê que o turismo é um dos principais alavancador da economia, e que não só em Guaratuba, mas que em todas as cidades litorâneas do Brasil. Falou que sabe da importância que é Guaratuba estar participando de um Evento como foi o do Festival Nacional do Turismo das Cataratas. Disse que sempre fala, mas que algumas pessoas pensam de uma maneira errônea nas suas palavras, e que acham que ele esta falando demais, mas falou que Foz do Iguaçu para se conseguir andar na cidade, para conhecer o turismo da cidade de Foz do Iguaçu, disse que quase na sua totalidade, que eles têm de vela a senhora Débora junto, falou que participou do Festival anterior, e que viu o conhecimento que a senhora Débora tem em Foz do Iguaçu, falou que a senhora Débora morou muito anos e que passou a sua infância em Foz do Iguaçu, e que ele vê que é importante em qualquer lugar que for ter alguém que conheça o local, disse que a recepção é diferente e que conseguem ir onde querem e que é a mesma coisa que uma pessoa que não conhece Guaratuba, e que vem para implantar um evento, para implantar uma ação de turismo e que não conhece ninguém. Falou que tem de ter alguém que conheça o local. Parabenizou e pediu permissão aos senhores vereadores para que em nome da Casa de Leis para toda a equipe que foi para Foz do Iguaçu, e que vários empresários que saíram de Guaratuba para acompanhar a comitiva da prefeita municipal. Falou que são empresários que investem muito em turismo na cidade de Guaratuba. Disse que tem visto nos últimos meses a realização de muitas festas juninas em Guaratuba, disse que vê também o sofrimento dos organizadores para as festas juninas, disse que vê as professoras, os funcionários e que cada um correndo de um lado. Falou que quando vê que Guaratuba ao longo do tempo, vem aumentando a possibilidade de se realizar festas juninas na cidade de Guaratuba. Falou que cada dia tem uma festa mais bonita que outra, disse que já esteve em várias festas juninas e que ele gosta tanto de festa junina, como ir à padaria e no mercado, falou que nesta final de semana não foi deferente. APARTE VEREADOR LAUDI CARLOS DE SANTI – salientou que Guaratuba também trouxe um evento muito bom que foi a Orquestra Sinfônica do Paraná, falou que foi mais evento que diante de outros que o vereador Almir citou e que só engrandecem ainda mais Guaratuba. Falou que todos os eventos venham a somar junto com os que o vereador Almir citou. VEREADOR JOÃO ALMIR TROYNER – agradeceu e disse que foi muito bem lembrado que a Orquestra Sinfônica foi um espetáculo ao qual jamais eles irão esquecer. Disse que foi uma coisa maravilhosa e que vale a pena mesmo investir em turismo. Falou que neste final de semana também participou e esteve presente da festa junina do Colégio Monteiro Lobato, disse que para homenagear todas as festas juninas que teve em Guaratuba, fez uma deferência muito especial a festa junina do Colégio Monteiro Lobato, disse que desde daquela pessoa que varreu o chão, até os organizadores. Falou que foi uma festa muito bem organizada, que foi uma festa direcionada a família, como tantas outras festas juninas que ele tem ido à cidade, citou a festa junina da Muraski, falou que foi uma festa junina que traz o calor humano que é preciso, falou que toda vez que é organizado uma festa junina como a que o Colégio Monteiro Lobato organizou, falou que faz com que as pessoas entendam que a festa junina é a festa da família, que é a festa da criança, que é a festa das pessoas de bem. Disse que devem sim a cada dia que passa incentivar que mais, e mais festas juninas se realizem na cidade. Falou que toda vez que puderem, como parlamentar, diante de uma iniciativa legal, que incentivem que as festas aconteçam em maior numero e em maior proporção, disse que devem assim o fazer. Disse que é muito importante ver o quanto as professoras correm o quanto os funcionários das escolas correm, e que dos colégios, das igrejas. Disse que teve no sábado à noite a festa da Igreja de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, onde mais uma vez o mestre da gastronomia o senhor Vandir Esmanioto, estava e que fez um risoto da melhor qualidade possível. Disse que isso tudo mostra que a cidade de Guaratuba nos últimos anos vem crescendo muito, falou que só se realiza festas maravilhosas com estas, e que é quando se tem um povo honesto, ordeiro, que é um povo que de todas as formas tenta ajudar. Falou que as festas juninas estão a cada dia a passos largos mostrando que Guaratuba é a Guaratuba do bem, que é a Guaratuba do amor, que é a Guaratuba das pessoas que sabem que cada festa que se vai, e que alguém esta sendo ajudado, que cada festa que ele vai, que se sabe que alguém vai sair da festa muito mais feliz do que entrou, falou que isso se deve ao empresariado local. Disse que seja da gastronomia, da construção civil, dos lojistas, falou que todos sem distinção participam, e ajudam. Parabenizou a todas as pessoas que ajudam e que organizam as festas juninas. Lembrou um provérbio árabe que diz “quando você viaja sozinho, você chega mais rápido, quando você viaja acompanhado, você vai mais longe”. Agradeceu. ----------------------------------------------------------------------------------------------------------PRESIDENTE MORDECAI MAGALHÃES DE OLIVEIRA – Justificou a não entrada do Projeto, citou o artigo 97 que é claro e que diz que a mesa tanto como o Presidente da casa e no inciso quinto, que apresentado por qualquer vereador e que versa sobre assunto de competência privativo do prefeito. Disse que nesta semana eles tiveram uma discussão sobre o mesmo Projeto que o vereador João Almir Troyner apresentou e falou que o vereador Sergio Alves Braga, disse que não conseguiram localizar onde esta o Projeto do vereador Sergio Alves Braga, falou que o que ele pediu, falou que o Projeto vai entrar na Casa, só que a mesa tem o dever de ser o guardião do Regimento, falou que a competência privativa do prefeito, mas se o jurídico disser e a própria comissão do qual faz parte o vereador João Almir Troyner como presidente, e que disser que não é de competência do Prefeito, falou que vai transcorrer e que a presidência não terá nada a se opor. Falou que pediu que o Regimento fosse respeitado, Falou que é o Regimento artigo 97 inciso quinto. VEREADOR JOÃO ALMIR TROYNER – pediu um minuto ao senhor presidente, disse que ficou bem claro que é de competência do vereador, porque o vereador Sergio Alves Braga falou que o Projeto lá atrás já era do vereador Sergio. PRESIDENTE OLIVEIRA – disse que não esta bem claro porque não foi localizado o Projeto. VEREADOR JOÃO ALMIR TROYNER - disse que quer que o presidente entenda que ele não tem uma bola de cristal e que se estavam discutindo o Projeto o qual ele apresentou. PRESIDENTE OLIVEIRA disse que o Projeto vai voltar na semana que virá. E que ele apenas pediu um parecer do jurídico, e que é um direito da presidência, comentou que o vereador Almir Troyner falou que o seu direito foi cerceado, e que não podem cercear o direito do presidente. Falou que o artigo 23 é claro, e que o artigo 97 também diz. Falou que o que ele pediu. VEREADOR ALMIR TROYNER – pediu ao presidente para que não se exacerbe, e que o presidente já tomou as providências, mas pediu para que o presidente Oliveira entenda que o próprio vereador Sergio falou que o Projeto anterior é de autoria do vereador Sergio Alves Braga. PRESIDENTE OLIVEIRA – disse que não tem uma Lei ainda, e que precisam saber o que houve com esta lei. VEREADOR ALMIR TROYNER falou que em 2009 existe essa Lei, que é de autoria do vereador Sergio Alves Braga, e que o vereador Sergio acabou de dizer. Falou que o Vereador Sergio Braga fez uma em 2013, e que foi pedido para o Direto que fosse localizado este Projeto e que alguma coisa aconteceu. Disse que é só isso, mas falou que com certeza na semana que vem estará na pauta e que será votado. VEREADOR ALMIR TROYNER – falou que foi mais uma pedalada ao senhor presidente. PRESIDENTE OLIVEIRA – disse que é a maneira de entender do vereador Almir Troyner. -------------------------------------------------------------------------VEREADOR ITAMAR CIDRAL DA SILVEIRA JUNIOR – Cumprimentou a todos. Falou que durante a semana ele teve algumas discussões políticas e legislativas, disse que algumas pessoas lhe colocaram em algumas situações, e que falou da seguinte maneira que se não tem a condição de falar sobre isso porque isso queima o vereador, que não é bom falar isso. Falou que quer provar ao Plenário da Câmara Municipal dos Vereadores, que ele não tem medo de tratar destes assuntos, citou palavras do vereador Almir Troyner que foram eleitos pela população e que a partir do momento em que se perde a credibilidade de discutir com a população, ele acha que eles não devem mais estar na Câmara. Falou que em respeito a população,que em respeito a dignidade do cargo do vereador, disse que traz assuntos que não é nada pessoal com alguns vereadores, mas que são assuntos que a sociedade cobra que os vereadores tenham que discutir no Parlamento. Falou que não quer ser indigesto com nenhum vereador, mas falou que quer antes de qualquer coisa parabenizar a todos os que estão envolvidos no Projeto da Junta Comercial, disse que o vereador Mauricio Lense esteve presente, e que os representou como vereador a altura do cargo, parabenizou a todos os envolvidos e falou que Guaratuba conquista mais este passo. Falou que em tempos de lava jato, operação publicano, custo real e que uma economia esta ruim, falou que o Brasil, e que é evidente, que é só ligar a TV, ou acessar a internet, disse que da para ver que o cenário é caótico, e que eles são políticos, que são vereadores e que estão convivendo todos os dias com a população nas ruas, falou que vai colocar as palavras certas para não ofender ninguém, e para não chocar a população também, falou que não se encontra o governador do Estado na rua, nos supermercados, e que nem sempre o governador esta no Baia Azul, nem no Coroados, disse que não se encontra um deputado estadual todos os dias na cidade, mas que embora Guaratuba por se tratar de uma cidade litorânea e que sempre é muito visitada, e que tem deputados atuantes. Falou que não encontra um deputado Federal todos os dias na cidade e que nem um senador todos os dias. Falou que muito menos ele tem visto a prefeita, mas que o vereador pelo fato de serem treze, que têm a ligação com a população, e que sempre são indagados e que sempre são questionados e que muitas das vezes mal compreendido, que é humilhado. Falou que veio ao Plenário para tratar desse assunto mesmo. Falou que as situações que colocam ao longo do mandato, disse que a eleição para vereador é a eleição mais complicada e mais difícil que existe. Disse que vai começar pelo inicio, falou que os vereadores disputaram a eleição mais difícil para estar na Câmara, falou que diz assim e que respeita a prefeita, os prefeitos, os governadores, mas falou que para os prefeito e os governadores, que matematicamente, é diferente, falou que eles partem de uma plataforma de que tem 150, e que uns disputam com irmão, com primo, com pai, citou o caso do vereador Fabio Chaves com o Vereador Raul Chaves, e que de fazem de tudo com propostas, com projetos, e que vão,indo, e que vão em suas plataformas, falou que fazem trezentos, quatrocentos, setecentos e La vai voto, citou como exemplo o presidente Oliveira, para que cheguem até o Parlamento. Falou que aí eles ganham um titulo de excelência, que saem do dia comum, para o clero e que de clero não tem nada. Falou que passam a serem servos vinte e quatro horas de uma população e que fica refém de suas figuras e das suas imagens, disse que qualquer deslize que estão na boca do povo, porque passaram ao titulo de figura pública. Explicou porque ele esta falando isso, falou que terá eleições neste ano e que ele acha prudente que eles, falou que têm de tratar no Parlamento esta discussão. Falou que se muitos eleitores estão descontentes com a pessoa do vereador, disse que até concorda, disse que tem muitos que não conseguiram responder a altura e que muito foram mal compreendidos e que muitos terão de serem trocados, Falou que não é ele que esta dizendo e que ele só tem um voto, e que tudo indica que deve votar nele próprio. Mas falou que a população esta aí. Disse que o que ele quer dizer com tudo isso é que eles não devem jogar o cargo de vereador no lixo, porque o cargo é histórico, e que é constitucional. Falou que é muito importante a figura do vereador, para que eles venham a generalizar as figuras que trabalham em prol da população. Disse que a certo momento em que ele compreende assim, que há juiz ruim, e que há juiz bom, que há delegados ruins, e que há delegados bons, que há médicos trambiqueiros, e que há médicos que dão a vida pelo exercício da profissão, falou que é um pouco pesado, mas que é a realidade. Disse que há vereadores que não estavam preparados, e que há vereadores que estão preparados, disse que não é uma crítica e que no Brasil há mais de cinquenta mil vereadores. Disse que há vereadores que cometeram uma falha, e que vereadores que não cometeram falhas, disse que não esta falando dele e nem do mandato dos senhores vereadores, mas falou que em uma discussão que tem de se elevar o nível com a sociedade, falou que tem de ser elevado o nível para que depois eles não sejam mais ridicularizados, e falou que ninguém inventou o cargo a toque de caixa de ser vereador. Falou que é algo constitucional, e que o Poder Legislativo não é um filme de ficção, falou que o Poder Legislativo é um Poder Constitucional, que é um poder garantido, para a presença dos vereadores no Plenário, disse que o cargo tem de ser exercido com dignidade, com avidez, com lucidez, com liberdade, para que a população que lhe deu o voto se sinta representada. Disse que ficou pensando e que escutou na semana, que a senhora prefeita falou para procurarem os vereadores do bem na Câmara, disse que não vai ser incoerente com os vereadores e que não vão perguntar que é vereador do bem, e quem é do mal. Mas falou que essas coisas e que esse besteirol, e que falado desta maneira, disse que pejora o Poder Legislativo de uma cidade. Disse que na verdade o que os vereadores são pessoas do bem sim e que ganharam um título de quatro anos para serem chamados de excelências, falou que a população procura o vereador com a esperança de ter o seu problema atendido, escutado. Disse que vai dizer que há quem não se preparou, e que hoje querem pejorar a figura do vereador, disse que defende a figura do vereador, falou que defende veemente, e que sem vereadores, falou que a cidade vai para a baderna. Mas falou que não esta preocupado com vereadores que fez isso ou fez aquilo, disse que esta preocupado com o seu mandato, e com o que ele tem de representar para a população. Disse que os poderes são Judiciário, Executivo e Legislativo, perguntou por que tanta pancadaria em cima do Legislativo, falou que é interessante que o Legislativo seja tão açoitado e enfraquecido, para que os interesses do Executivo muitas das vezes passe. Falou que o próprio Executivo os pejora e que o próprio Executivo lhes manda uma coisa ao meio dia e que meio dia e maia quer que seja aprovado. Mas falou que muitas pessoas não sabem que um Projeto para ser dado a entrada que primeiramente tem de ser dado entrada no expediente, que tem de ser lido, que depois vai para o departamento jurídico da Casa, e que vai aos pareceres e que vai duas ou até três vezes para as Comissões, falou que depois de terem os pareceres, pela rejeição ou pela  aprovação, que volta para o Plenário e que tem as votações, que volta em primeiro turno, que cabe emenda, que volta para segundo turno, disse que se aprovado que vai para a sansão, que segue para a publicação, e que caso não que vai para o veto e que vem para a Casa apreciar novamente, que apreciasse o veto e que é a casa quem decide, perguntou porque a população pensa que o vereador não faz nada. Disse que parece que não querem discutir sobre isto, porque estão no período eleitoral, e que isto não vai dar voto e que isto não vai pegar bem. Falou que não esta preocupado com isto, e que esta preocupado com sua cidade, e que esta preocupado com Guaratuba no geral. Disse que eles têm de entender que a asa não é brincadeira, falou que não se candidatou para ficar rico, que não se candidatou para poder se dar bem na vida, falou que se candidatou porque achava que poderia ser um instrumento de transformação na vida das pessoas, e que se não fosse por isso, que ele ficaria em casa. Disse que comentam que é muito bom o subsídio que os vereadores ganham, falou que é bom e que atende as necessidades do vereador e que muitas vezes da população que os procura, e que lhes traz um pouco de segurança, falou que ele neste momento de atividade Legislativa esta se dedicando integralmente ao seu mandato. Falou que graças a deus os constituintes os deixaram subsídio para que eles possam exercer as suas missões e terem um reconhecimento financeiro. Falou que sabe que muitos os vereadores gastam tudo e mais um pouco e que fazem empréstimo no banco e que ainda são apedrejados. Perguntou o porquê disto. Falou que muitas das vezes a imprensa esta louca para destruir o Poder Legislativo, e que esta cominada com o Executivo, disse que se enfraquecer que os vereadores caem, e que vai entra pessoas que não estão preparadas, e que será mais fácil de cominar para que o Processo fique frágil. Disse que é simples de entender, e disse que o que não dá para fazer é um juízo frágil, falou que ninguém na Casa inventa nada, Falou para as pessoas que estão lhe ouvindo e que muitas pessoas irão lhe ouvir no dia seguinte, falou que a casa tem um Regimento de 226 artigos, e que é o Regimento que toca a Casa, que é o regimento que faz com que a casa ande. Falou que a hierarquia a separação dos cargos, falou que tem uma Lei Orgânica do Município, e que cabe a eles zelarem pela atividade, e que senão eles os vereadores. Disse que não entende que as vezes e que el faz palavras erradas, e falou que em muitas das vezes quando eles não querem discutir e quando não querem falar com a sociedade, quando eles não querem se explicar falou que eles fazem com que as pessoas façam mal juízo de suas pessoas. Disse que fora isto tudo que eles têm simetricamente e que a Casa tem o departamento Jurídico que ele critica porque faz parte da sua função criticar. Falou que parlamento vem de falar, disse que não é falar na rua, da vida, do filho, da pessoa, mas disse que é para falar da atividade legislativa, e que tem de fazer tudo ficar simetricamente com a Constituição Federal, Disse que entre as funções que ele discutiu no momento, disse que não vai se acovardar de nenhuma atividade dentro da Casa, disse que o vereador fiscaliza, propões Projeto, vota e que em alguns momentos o Plenário se transforma num júri, falou que eles têm o poder de julgar, falou que muitas das vezes eles têm de visitar e que muitas das vezes eles vão buscar recursos para a cidade. E que muitas das vezes são mal compreendidos. Disse que não esta fazendo uma defesa, e nem meã culpa, falou que esta dizendo aos vereadores e para a população que lhe assiste que o Poder Legislativo não tem dono, disse que o poder Legislativo não tem dono, que o Poder Legislativo da cidade de Guaratuba, é da sociedade de Guaratuba, e que tem os vereadores na casa representando esta população, disse que num pleito de mais de 150 pessoas que os vereadores receberam votos o suficiente para uma maioria absoluta para estarem na Câmara. Falou que candidatos a prefeito foram divididos em dois ou três, e que os vereadores dividiram em mais de 150. Chamou a atenção para a responsabilidade do Cargo e que agora os vereadores que julgaram, como ele, disse que eles que fizeram proposições, projetos que vão ser julgados e que terão de prestar conta para a sociedade. Disse que é este momento em que eles vão viver após o recesso. Falou que a sociedade vai lhes julgar, e que da mesma forma em que ele tem a lucidez do seu cargo para julgar dentro da Casa, falou que espera que a sociedade de Guaratuba, tenha a mesma lucidez e liberdade e que não seja vendida, e que o poder econômico não vença, e que as ideias os projetos, a vontade pela mudança, a esperança, a vontade de ver o Parlamento ir para frente, e que com isso o progresso da cidade, que seja a vencedora no dia 2 de outubro, Falou que a vontade soberana do povo de Guaratuba, falou que no quesito da população ter o direito de liberdade. Falou que quando falam de soberania, de liberdade de disseram que vão votar  no X porque quer o X, que vai votar no Y porque quer o Y, e que as pessoas vão pesquisar o currículo dos candidatos, e que vão saber o que o candidato fez na Câmara, que o candidato não tomou só cafezinho, que não ficou tomando chazinho, que não ficou jogando conversa fora, que trabalhou pela cidade, que fiscalizou,que julgou que fez proposição, que fez debates, embates, audiências públicas, e que é por isso que o cidadão pode receber o voto da população. Falou que o cidadão que ficou no cafezinho, com conversa mansa, de papagaiarem na gíria brasileira, falou que tem de ir para casa e que não é um representante legítimo da população, e que por isso receberá a sua carta de demissão, pediu que os vereadores julgassem os seus mandatos, e que ele vai julgar o dele e que a população vai julgar o deles. Agradeceu. --------------------------------------------------

ORDEM DO DIA – Projeto de Lei n° 601 – dispõe sobre a obrigatoriedade da colocação de banheiros químicos adaptados para pessoas com deficiência, em eventos realizados no município de Guaratuba. EM SEGUNDA DISCUSSÃO O PROJETO DE LEI – EM SEGUNDA VOTAÇÃO O PROJETO DE LEI – APROVADO. -----------------------------------------

Moções – moção de aplausos a SMD trilheiros de Guaratuba – EM DISCUSSÃO ÚNICA – EM VOTAÇÃO ÚNICA – APROVADO. Moção de aplausos ao senhor Fabiano Monteiro diretor da TVCI – Paranaguá e seus colaboradores. EM DISCUSSÃO ÚNICA – EM VOTAÇÃO ÚNICA – APROVADO. ---------------------------------------------------------------------------PALAVRA LIVRE – VEREADOR ARTUR CARLOS DOS SANTOS – Cumprimentou a todos. Parabenizou a comunidade do Perpétuo Socorro pelas festividades, disse que foi uma bela festa, os 150 ano do ícone do Quadro de Nossa senhora do Perpétuo Socorro parabenizou a todos os que trabalharam e que se esforçaram para que o evento fosse realizado. Parabenizou a todos os que participaram das novenas, das missas e o povo que foi para celebrar com toda a comunidade, parabenizou também as pessoas que contribuíram os colaboradores, falou que o pessoal esta sempre ajudando toda a comunidade. Disse que como o vereador Almir ele também o Ficha Limpa, comentou que o senhor Presidente disse que viria para votação, mas falou que infelizmente ele ainda não teve este privilégio. Disse que tem mais alguns que ele esta aguardando, convidou o vereador Almir para fazer companhia com eles na espera dos Projetos. Falou sobre as ruas Joaquim Braga, disse que foi uma rua que foi beneficiada somente a metade com material e que o resto da rua esta precário. Falou que fez esta Proposição e que vários vereadores estão pedindo também, falou que esta torcendo para que saia as melhorias nesta rua, porque os moradores estão aguardando e que estão precisando. Citou outras ruas na Vila Esperança, na Figueira, disse que está aguardando e disse que viu no Site que tem uma força tarefa no Mirim, e que esta torcendo para que esta força tarefa passe no Bairro da Figueira, pela Vila Esperança, e comentou que tem algumas ruas neste bairro que estão intransitáveis. Cobrou o Ponto de Ônibus, e disse que estes pontos estão sem as coberturas, e que vem as chuvas novamente e que as pessoas vão ficar novamente na chuva. Perguntou se os moradores não merecem o ponto de ônibus coberto. Mas falou que infelizmente é o que ele tinha para hoje. Agradeceu. ----------------------------------------------------VEREADORA MARIA DA SILVA BATISTA – Cumprimentou a todos, e primeiramente agradeceu a Deus, por estar viva, pela sua saúde, e pela saúde de sua família, e de seus amigos. Aproveitou o ensejo para parabenizar a festa da igreja Nossa senhora do Perpétuo Socorro, falou que os organizadores estavam de parabéns, falou que foi na festa e que desfrutou de um Churrasco muito gostoso. Parabenizou o Evento dos Skaititas, que foi no dia anterior, citou o senhor Cristiano Araujo, e comentou que no Evento havia crianças, adolescentes, jovens, senhores, falou que foi um evento muito bem organizado, parabenizou o Cristiano e disse que foi um momento muito legal. Falou que diante de tantos pedidos que fossem feitos em Plenário, falou que a rua Navegantes do Bairro Coroados que a cratera continua e que a escuridão continua também. Agradeceu. ----------VEREADOR MAURÍCIO LENSE – Cumprimentou a todos. Parabenizou o Rotary de Guaratuba, e comentou que no ultimo sábado houve troca de diretoria, falou que a presidente que saiu Liliane Alberton, parabenizou a presidente pelo excelente trabalho que ela no ano Rotário, desejou sorte a nova presidente Maria Sueli Simonelli Cabreira que esta assumindo o próximo ano rotário. Parabenizou a comunidade da Igreja do Perpétuo Socorro, pela comemoração do sesquicentenário do Ícone de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, e que neste dia foi mais especial com a visita do Bispo Ademar Peron. Parabenizou a Igreja Manancial pelo arraial reviver, que foi realizado no sábado. Parabenizou também o Colégio Monteiro Lobato, e que foi citado pelo Vereador Almir Troyner. Falou que foi uma excelente Festa Junina também, falou da coragem e da determinação do Colégio Monteiro Lobato em investimento e estrutura para cada vez mais atender com excelência em educação das crianças da cidade de Guaratuba. Parabenizou a Associação Comercial e Empresarial de Guaratuba, pela conquista da Agência Regional de atendimento da Junta Comercial, parabenizou toda a diretoria pelo trabalho e que em especial a ex-presidente Vilma Bianchi, e o diretor e secretário André nascimento. Que se empenharam por muito tempo para que acontecesse esta Junta. Disse que é um trabalho silencioso de forma gratuita, falou que é assim que a ACIG trabalha. Falou que foi assim que ACIG conseguiu trazer a Caixa Econômica Federal para Guaratuba, disse que foi assim que conseguiram traze o SICOB, e que agora a Agência da Junta Comercial. Desejou sucesso ao novo presidente que esta assumindo o doutro Luiz Michalysen. Enalteceu o trabalho do capitão Fabrício Frazato dos santos que deixou o comando do Corpo de Bombeiros de Guaratuba, e desejou sucesso ao novo Comandante Capitão Ezequiel Roberto de Siqueira. Agradeceu. -----------------------------------------------------------------VEREADOR RAUL CHAVES – Cumprimentou a todos. Falou que cada vereador tem o direito de discutir, fazer Projetos, e de reivindicar, mas falou que esta lei de isenção não foi criada em 2009, falou que quando eles foram vereadores em outro mandato, que esta lei já existia. Disse que se teve alguma alteração, disse que ele não era vereador na época, e que ele não pode discutir que ele não vai nem concordar e nem discordar, mas falou que já tinha esta lei, quando ele iniciou em 97 eles aprovaram, falou que tem outros vereadores que já não estão mais na Casa, disse que a alteração de valores, se houve com o Vereador Sergio Alves Braga, falou que cabe ao Executivo. Falou que esteve solicitando com o Diretor de Obras, falou que não é patrolamento na Rua João Gualberto, mas que no final tem crianças que vão para a Escola e que os outros dizem Colégio, falou que para ele as Escolas municipais para ele ainda são escolas, e que são bem cuidadas, bem dirigidas, mas que são escolas. Disse que muitos às vezes não enxergam certas situações, falou que não tem nem passagem para as crianças cruzarem, que não tem nem valeta e que a água espalha por tudo. Disse que vai ao dia seguinte com o Diretor de Obras para ver se o diretor tem um pouquinho de complacência para mandar fazer uns duzentos metros de valeta para diminuir o sofrimento de mães e crianças. Falou que a Rua Joaquim Braga, falou que há alguns dias atrás ele estava na Beira Rio tomando um café com o secretário de Obras, e que naquele momento ele saiu com o secretário e que foram nesta rua para verificar  a extensão, falou que uma parte da rua é maravilhosa, e que a outra é um desastre. Disse que solicitou que fosse colocado saibro nesta rua, mas que não foi colocado, disse que falou novamente com o secretário e que no dia seguinte ele irá até a prefeitura para falar com a pessoa que pediu ao Secretário e que mandou fazer aquele pedaço. Disse que acha que daqui uns dez ou quinze dias vai sair. Falou que também foi informado pelo diretor que o patroleiro e a patrola foram para a região do Cubatão, falou que esteve no dia cinco nesta região e que vai aos próximos dias 3 para o Cubatão, falou que deveriam passar a patrola um vez por semana, e não uma vez por mês, disse que no Cubatão é uma região produtora. Falou que não faz Requerimentos e que não faz proposições e disse que falaram na Festa do Lobato, parabenizou, falou que prefere mil vezes ir a uma festa dos colégios humildes, das escolas, falou que o Lobato é da prateleira de cima, e que as escolas são da prateleira de baixo, do pobre. Disse que se lhe convidarem para escolas, falou que vai, e que as professoras e que as funcionárias muitas vezes deixam os seus afazeres para tentar conseguir alguma coisa, para conseguirem fazer a festa com sacrifício e com dificuldade, mas que fazem com suor, e que muitas vezes essas pessoas perdem o sangue andando atrás das coisas, falou que veem na câmara e que depois vão ao comercio, e que humildemente fazem, falou que para ele mil para as festas das escolas municipais, e bem pouco para as escolas particulares. Falou que as escolas particulares tem poder aquisitivo, e que tem pessoas próximas às estas escolas que são extremamente poderosos e que beneficiam os que não precisam e aqueles que precisam muitas vezes um pedido do Colégio do Município, uma funcionária que viram as costas. Falou que é mil, vezes favorável das escolas do município, dos funcionários e dos professores. Agradeceu. ---------------------------------------------------------------VEREADOR JOÃO ALMIR TROYNER – Falou que não quer usar do dissenso, mas que a ultima alteração eu teve na lei foi em 2009, e que depois desta data para frente ele não sabe falar. Falou que deixou bem claro na tribuna que as Festas Juninas independente de quem querem que realize que está cada dia melhor e mais bonita, disse que independente se é rico ou se é pobre, falou que o ensino não faz com o que o mais rico aprenda mais do que o mais pobre. Falou que a educação é uma só. Disse que em cidade nenhuma eles vão ter saúde, segurança se não tiverem, educação. Falou que acha que todos os elogios para as festas juninas, que vem só somar aquilo que ele sempre tem dito educação, educação, educação. Aproveitou as palavras do vereador Mauricio Lense, quando comentou sobre a Associação Comercial, falou que foi um grande feito para a cidade de Guaratuba, e que o senhor presidente estava no local e que o vereador Maurício também. Disse que é um grande feito para a cidade de Guaratuba, para o povo, para os contabilistas, disse que a criação da Junta Comercial em Guaratuba acaba com o sofrimento das pessoas nos dias de chuva, durante a temporada para saírem de Guaratuba para irem para Paranaguá. E que assim comentou o senhor presidente da Junta Comercial do Estado do Paraná. Falou que está de parabéns a senhora Vilma, toda a diretoria da Associação Comercial, o senhor Chico Guedes, e falou que o senhor Chico foi um grande baluarte de tudo isso, citou a prefeita Municipal, e a todas as pessoas que de uma maneira ou de outra contribuíram para que tornasse realidade o sonho dos Guaratubanos. Disse que uma coisa muito importante, que aconteceu durante a solenidade, falou que estavam presentes vários empresários, varias pessoas do município, e que quando a prefeita Evani Justus atendeu de pronto um pedido do presidente da Junta Comercial do Estado quando foi solicitado um terreno para construção de sede própria, e falou que a prefeita imediatamente disse que era um compromisso da prefeita encaminhar para os setores competentes da municipalidade, ao departamento jurídico, quanto a possibilidade de o mais rápido possível destinar um terreno para a Construção da Associação Comercial de Guaratuba. Falou que isto mostra aquilo que eles estão falando que a cidade de Guaratuba vem crescendo e que a cidade de Guaratuba tem uma vida própria, falou que hoje eles têm de deixar mesmo de estar dependendo e que com todo o respeito, de depender de Paranaguá, de Curitiba, de Joinville.  Falou para começarem a mostrar para o povo que eles tem condições de dar tudo aquilo que o povo precisa. Falou que a Junta Comercial mais uma vez mostra o empenho e o afinco, da prefeita Evani Justus, e de toda a diretoria da Associação Comercial. Disse que lembra muito bem que o presidente da Junta Comercial, que falava durante a solenidade, que recebeu inúmeros telefonemas, que tanto da prefeita Evani, como da Presidente da Associação Comercial a senhora Vilma Bianchi, disse que isso mostra que todos estavam imbuídos da melhor boa intenção em trazer para Guaratuba, mas este grande benefício a todos os contabilistas, e que principalmente aos Guaratubanos. Agradeceu. -------------------------------------------------------------------------------------

ENCERRAMENTO – nada mais tendo a deliberar o Presidente agradeceu a presença de todos e também os que acompanharam pela internet e deu por encerrada a presente sessão às vinte e uma horas e vinte e três minutos. Marcou nova sessão ordinária para o dia quatro de julho de dois mil e dezesseis às vinte horas. Para contar                      eu                              (Edilson Garcia Kalat – Secretário Geral) bem e fielmente redigi, digitei e conferi a presente Ata. --------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

 

MORDECAI MAGALHÃES DE OLIVEIRA

Presidente

SERGIO ALVES BRAGA

1º Secretário

FABIO LUIZ CHAVES

2ª Secretário

Notícias

Sessão Plenária vota pareceres e moção de ...

 Na sessão plenária desta segunda-feira (10) nos expedientes foram recebidos os ofícios: Projeto de Lei do Executivo 1653/24, de autoria Roberto ...

Câmara realiza sua 16ª sessão

 Nesta segunda-feira (03) foi realizada a 16ª sessão plenária e nos expedientes recebidos foi apreciado ofício do vereador Paulo Èder de Araújo ...